16.7.06

ABC


A American Broadcasting Company, conhecida popularmente como ABC, é uma das redes de televisão mais fortes e influentes do mundo, morada de sucessos para campeões de audiência como o enigmático Lost, a comédia dramática Desperate Housewives, o investigativo Grey’s Anatomy, o surpreendente Revenge, além de talk shows divertidos e programas de sucesso mundial que entretém milhões de telespectadores. 

A história 
A história da ABC tem origem no final da década de 1920 na cidade de Seattle quando foi criada a segunda estação de rádio do país. Porém com o Crash da Bolsa de Valores em 1929, que causou uma violenta depressão econômica, a estação acabou sendo absorvida pela NBC. Em 1941, o governo americano visando incrementar a concorrência e evitar monopólio no setor de comunicações, ordenou que a NBC vendesse uma de suas estações. Com isso, a NBC Blue Network (Rede Azul), que era utilizada para testar novos programas em mercados menores, foi vendida por US$ 8 milhões para Edward Noble, proprietário da rede de farmácias Rexall e fabricante das famosas balas Life-Savers. A nova emissora de rádio foi ao ar no dia 12 de outubro de 1943, adotando o nome de AMERICAN BROADCASTING COMPANY (que ficaria popularmente conhecida como ABC) pouco tempo depois. Inicialmente a rádio ABC começou em ritmo lento, com poucos programas e tentando construir e conquistar uma nova audiência entre os americanos. Porém Edward começou a ter muitos problemas com suas afiliadas e programas, não conseguindo fazer a ABC crescer como era esperado.


No dia 19 de abril de 1948 a empresa lançou oficialmente seu canal de televisão (ABC TELEVISION NETWORK), começando ainda nesta década a produzir suas próprias séries e programas. Depois da venda para a Paramount em 1953, a ABC se expandiu na indústria televisiva e se converteu em uma das três emissoras mais importantes do mundo, juntamente com as também americanas NBC e CBS. Em 1954 a emissora emprestou US$ 500 mil para a Disney, recebendo em troca 35% das ações da Disneylândia da Califórnia e a concessão para explorar a alimentação dentro do parque temático. A histórica associação com a Disney teve início com a produção do programa “Disneyland”, que viria a se transformar no “The Wonderful World of Disney”. Na década de 1960 introduziu muitas inovações no segmento, como por exemplo, as primeiras transmissões separadas de AM e FM e as transmissões esportivas e com videotape (ou VT), utilizadas pela primeira vez em 1961, além de exibir o desenho Os Jetsons pela primeira vez em cores no ano de 1962.


A ABC transformou a forma como as pessoas assistiam à televisão diversificando sua programação com os mais variados gêneros de programas. Com isso, a rede conseguia atingir toda a família. Entre 1965 e 1970 a emissora investiu nas transmissões esportivas, apresentando o Wide World of Sports e inovando com as múltiplas câmeras no Monday Night Football (jogo de futebol americano na segunda-feira à noite, que se tornou o programa esportivo mais assistido da televisão americana e o mais duradouro), fazendo com que as transmissões de esporte se transformassem em uma indústria milionária. A ABC também investiu em séries populares visando o público jovem, exibindo The Outer Limits, The Invaders, Time Tunnel e Bewitched, mais conhecida no Brasil como A Feiticeira. Nos anos seguintes investiu na exibição de séries, cômicas e dramáticas, como Happy Days, Charlie’s Angels (conhecida como As Panteras), Starsky & Hutch, Family e Laverne & Shirley. A qualidade de sua programação fez com que, no ano de 1977, a ABC se transformasse na rede de televisão mais assistida dos Estados Unidos. Em 1984, a emissora adquiriu o controle majoritário da emissora esportiva ESPN, que naquela época crescia a uma velocidade impressionante.


Com o grande crescimento das redes de televisão, especialmente os canais a cabo, a ABC resolveu apostar em novos produtos como a ABC NEWS, um canal de notícias e documentários, comandados por renomados jornalistas como Peter Jennings, Barbara Walters e Ted Koppel. Depois vieram outros canais da rede como o ABC SPORTS, com uma programação recheada de eventos, jogos e documentários esportivos, que a partir dos anos 2000 assumiu o selo ESPN on ABC; além da ABC DAYTIME, que oferecia programas extremamente populares como All My Children, Life to Live e The View com Barbara Walters. Após uma parceria estreita de longa data, o Grupo Disney, em 1996 adquiriu a ABC por US$ 19 bilhões. Começaram então as mudanças na programação. Aos sábados de manhã, a emissora colocou no ar um bloco de desenhos chamado One Saturday Morning, que mais tarde seria chamado de ABC KIDS. A emissora também começou a exibir o game show Who Wants to be a Millionaire e investiu em séries de algum sucesso como The Practice, Alias e Once Again. E ainda exibiu sucessos como According to Jim e My Wife and Kids.


A partir de 2004, determinada a alcançar de novo o status de canal mais popular e influente do mercado americano, a ABC antecipou o lançamento das séries Desperate Housewives e Lost. Quase que instantaneamente a audiência da rede disparou graças em boa parte à crítica favorável, grande publicidade e um pesado investimento em marketing. Seguiram o mesmo caminho as séries Grey’s Anatomy em 2005 e Ugly Betty em 2006. Nesta nova fase, a emissora finalmente encontrou reality shows adequados e de grande sucesso como Extreme Makeover: Home Edition e Dancing with the Stars (Dançando com as estrelas), que estreou em 2005 e teve como vencedor, dois anos depois, o piloto brasileiro Hélio Castroneves. Nesta época, com a audiência das rádios americanas em queda livre, o Grupo Disney resolveu vender as 24 estações da ABC, fato que se concretizou em 2007. Nos anos seguintes a emissora continuou lançando séries de sucessos e aumentando ainda mais sua audiência. Atualmente a ABC é a emissora de TV aberta mais poderosa do mundo, detendo a liderança em audiência no mercado americano.


Comunicação diversificada 
A rede ABC possui alguns outros canais e blocos de programação com temas específicos e diversificados, que se transformaram em verdadeiros ícones da cultura e das famílias americanas: 
ABC DAYTIME: bloco de programação extremamente popular, com altos índices de audiência, que transmite novelas (como o popular General Hospital, no ar desde 1963 e que documenta os dramas de um hospital da fictícia cidade de Port Charles) e talk shows (como The View, programa diurno que estreou em 1997 e hoje é comando por cinco apresentadoras, entre os quais Barbara Walters e Whoopi Goldberg; e The Chew, que estreou em 2011 e apresenta temas relacionados à alimentação e estilo de vida com a participação de grandes chefs de cozinha), além de divertidos game shows. 
ABC NEWS: canal de notícias e jornalismo responsável pela transmissão de programas de enorme sucesso como America This Morning (no ar desde 1982) e Good Morning America (no ar desde 1975). 
ABC NEWS NOW: canal de notícias 24 horas lançado em 2004 e oferecido via televisão digital, internet e comunicação móvel (telefonia celular). 
ABC FAMILY: lançado oficialmente no dia 10 de novembro de 2001, este canal reproduz a programação da ABC, com transmissão também para o Canadá. Com o slogan “A new kind of family”, oferece uma programação diversificada e contemporânea para toda família, incluindo séries de sucesso, filmes, eventos, shows e programação infantil. Atualmente está disponível em mais de 100 milhões de casas. 
ABC.com: Onde a ABC disponibiliza grande parte de sua programação para ser assistida a qualquer hora via internet. Foi o primeiro site de uma emissora de TV a disponibilizar via internet episódios completos de grandes séries de sucesso em 2006. Já no ano seguinte passou a disponibilizar conteúdo em HD. Esse vasto conteúdo atinge mais de 100 milhões de pessoas por mês somente nos Estados Unidos. 
WATCH ABC: serviço de streaming que permite que seus sinais de transmissão possam ser recebidos por assinantes “autenticados” em tablets e smartphones através de um aplicativo. O serviço lançado em 2013 tornou a ABC a primeira rede de televisão a estar 100% disponível em smartphones e tablets através de livestream (ou seja, ao vivo).


Programação de sucesso 
As inúmeras séries de sucesso da rede são produzidas pelo ABC STUDIOS, justamente com sua divisão de produção televisiva (ABC Entertainment), que foi fundada em 1985 como Touchstone Television e adotou esse em maio de 2007. Atualmente estas duas divisões se fundiram para formar o ABC Entertainment Group. Esta divisão também é responsável pela venda das séries em DVDs (em mais de 40 idiomas diferentes) nos principais mercados mundiais. Entre os principais sucessos desta divisão estão: 
Alias (2001-2006) 
My Wife and Kids (2001-2005) 
According to Jim (2001-2009) 
Desperate Housewives (2004-2013) 
Lost (2004-2013) 
Grey’s Anatomy (2005-2013) 
Criminal Minds (2005-2012) 
Brothers & Sisters (2006-2011) 
Ugly Betty (2006-2010) 
Army Wives (2007-2012) 
Private Practice (2007-2013) 
Samantha Who? (2007-2009) 
Castle (2009-2013) 
The Middle (2009-2013) 
Modern Family (2009-2013) 
Happy Endings (2011-2013) 
Suburgatory (2011-2013) 
Once Upon a Time (2011-2013) 
Revenge (2011-2013) 
The Goldbergs (2013) 
Agents of S.H.I.E.L.D. (2013)


A evolução visual 
O logotipo original da emissora, um microfone com a sigla “ABC” alinhada verticalmente e as letras T e V posicionadas uma de cada lado, se tornou um dos ícones da comunicação americana. Em 1953 um novo logotipo, que continha uma águia, foi adotado. Uma nova modificação ocorreria em 1957: o logotipo foi simplificado, representado por uma grande letra A com a sigla ABC dentro. Este logo ficaria conhecido como “ABC Circle A”. O tradicional logotipo da ABC (um círculo preto com a palavra ABC escrita em branco) foi criado por Paul Rand e adotado oficialmente em 1962, se tornando um dos mais reconhecidos e populares entre a população americana.


Ao longo dos anos o tradicional logotipo ganhou algumas variações, como em 2007, quando a ABC iniciou um processo de renovação da marca com a adoção de um novo posicionamento: novas vinhetas, novos gráficos e um logo redesenhado, que ganhou reflexos e aparência esmaltada. Toda essa mudança foi devido à mobilidade do conteúdo de notícias e entretenimento, já que a partir deste momento as pessoas poderiam assistir episódios na íntegra, ouvir podcasts especialmente feitos pelo site da emissora e conteúdo no celular. Em 2013 a rede apresentou sua nova identidade visual, baseada no logotipo original de 1962.


A nova identidade visual da ABC é extremamente versátil, podendo ser aplicada em três cores (batizadas de Butterscotch, Garnet e Aluminum), dependendo da situação ou da mídia.


Os slogans 
Celebrating 70 Years of Television. (2013, comemorativo aos 70 anos) 
Start Here. (2007) 
Only on ABC. (2005) 
America’s Favorite Network. (2001) 
We Love TV. (1998) 
TV is Good. (1997)
It Must Be ABC. (1992) 
America’s Watching ABC. (1990) 
Something’s Happening on ABC. (1987) 
Together. (1986) 
Come on Along with ABC. (1982) 
You and Me and ABC. (1980) 
Let’s Get Together on ABC. (1970) 
Find Your Own Thing! (1968) 
Turn on the Excitement! (1965) 
Wild World of Entertainment. (1964)


Dados corporativos 
● Origem: Estados Unidos 
● Fundação: 12 de outubro de 1943 (rádio) e 19 de abril de 1948 (TV) 
● Fundador: Edward Noble 
● Sede mundial: New York City, New York 
● Proprietário da marca: The Walt Disney Company 
● Capital aberto: Não (subsidiária) 
● Presidente: Anne Sweeney 
● Faturamento: US$ 5 bilhões (estimado) 
● Lucro: Não divulgado 
● Presença global: 40 países 
● Presença no Brasil: Não 
● Segmento: Comunicação 
● Principais produtos: Canal de televisão e produção de séries 
● Concorrentes diretos: NBC, CBS, FOX e BBC 
● Ícones: O logotipo oval 
● Slogan: Start here. (O começo é aqui) 
● Website: www.abc.com 

A marca no mundo 
A ABC, a maior e mais influente rede de televisão do mundo, possui mais de 220 estações afiliadas espalhadas pelos Estados Unidos, 10 emissoras de televisão, além de canais via cabo. A ABC, que faz parte da divisão Disney-ABC Television Group, é assistida em mais de 40 países ao redor do mundo com forte presença na América do Norte (Estados Unidos, México e Canadá, este último através da ABC FAMILY), Caribe, Ásia (Japão e Coréia do Sul) e Europa (Alemanha, Reino Unido, Itália, França e Espanha). Os escritórios e os departamentos de esportes e telejornalismo da emissora estão localizados em Nova York, enquanto os departamentos de teledramaturgia e programação ficam em Burbank, na Califórnia, ao lado da sede dos Estúdios Walt Disney. 

Você sabia? 
Somente nos Estados Unidos o canal de televisão possui uma audiência média de 100 milhões de casas. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers). 

Última atualização em 5/8/2013

2 comentários:

Anônimo disse...

Muito bom o Blog !!!

Eu gostaria de saber o valor da marca ABC, o quanto faturo e quanto lucro, neste ano de 2010 pode me ajuda eu gostaria muito de saber pode fala até uma extimativa só pra que eu possa ter uma ideia do valor da marca faturamento.....

Estou esperando, se alguem quizer me mandar um Email meu msn é thiago_nwo@hotmail.com Obrigado pela atenção.
Estou aguardando...

Giancarlo Oppermann disse...

A ABC foi de onde o SBT copiou descaradamente (como sempre) seu logotipo.