15.5.08

NATHAN'S FAMOUS


Seus cachorros-quentes viraram uma verdadeira instituição na cidade de Nova York. Desde presidentes, celebridades à milhões de turistas, seus cachorros-quentes se transformaram em atração turística da movimentada e eclética Big Apple. Se você ainda não experimentou um cachorro-quente da NATHAN’S FAMOUS, então não comeu o melhor e mais aclamado do mundo. Além de saboroso e tradicional, carrega a história e a mística de um dos maiores símbolos alimentícios nova-iorquinos. 

A história 
A história de uma das marcas, que é um verdadeiro orgulho nova-iorquino, começou em 1871 quando o imigrante alemão Charles Feltman abriu uma humilde banca em Coney Island, distrito de Nova York, e vendeu 3.684 unidades de pão com salsicha (o conhecido Hot Dog) com cobertura de mostarda e chucrute, em seu primeiro ano de trabalho. O sucesso inicial permitiu a ele abrir um restaurante, o Feltman’s German Beer Gardens. Em 1913, ele contratou Nathan Handwerker, um imigrante polonês para ajudá-lo no restaurante por um salário de US$ 11 por semana. Após Feltman aumentar o preço do sanduíche de 5 centavos para 10 centavos de dólar, dois clientes famosos do restaurante, o cantor Eddie Cantor e o pianista Jimmy Durante, convenceram Nathan a abrir o seu próprio restaurante e continuar vendendo o tradicional cachorro-quente pelo antigo preço.


Foi então que, em 1916, Nathan, que não inventou o “hot dog” (cachorro-quente), mas trouxe-o ao público, com a ajuda de sua mulher Ida, e US$ 300 emprestados, inaugurou o tradicional Nathan’s Famous Frankfurter & Soft Drink Stand na esquina das avenidas Surf e Stillwell, em Coney Island, localizado a um quarteirão da praia. Sua mulher, Ida, desenvolveu um molho extremamente saboroso a base de alho, e outros itens como sanduíche de rosbife, hambúrgueres e batatas fritas foram adicionados ao cardápio. Além de manter os preços baixos, adotaria uma estratégia de marketing inovadora para popularizar o seu restaurante: permitir que os médicos do hospital de Coney Island comessem cachorros-quentes de graça, desde que estivessem devidamente vestidos com o uniforme do hospital. Assim, “atestavam” a salubridade dos sanduíches. Uma placa com os dizeres “If doctors eat our hot dogs, you know they’re good!” (algo como “Se o médicos comem nossos cachorros-quentes, você sabe que eles são bons”) foi afixada na fachada do estabelecimento. Não demorou muito para a fama dos famosos cachorros-quentes se espalhar pela cidade, transformando o restaurante em um ponto de encontro para os apreciadores do sanduíche.


Políticos, celebridades, astros esportivos, e até mesmo Al Capone, eram frequentemente vistos e fotografados comendo os famosos cachorros-quentes em suas visitas a estância balneária de Coney Island. Na década de 1920, o restaurante vendia uma média de 75 mil cachorros-quentes por semana no verão, além de milhares de litros de cerveja e Coca-Cola. Em 1946 foi inaugurado o famoso “clam bar”, um enorme balcão onde as pessoas podiam comer mariscos e ostras frescas em pé. Um segundo restaurante foi inaugurado somente em 1955, localizado em Long Beach Road, Oceanside, também em Nova York, seguido por um terceiro em Yonkers, inaugurado em 1965. A década também foi marcada pela introdução no cardápio de um dos itens mais populares da rede: as pernas de rã empanadas e fritas, servidas com limão e um molho especial. No final desta década, um dos mais ardorosos fãs da marca era Nelson Rockefeller, então governador de Nova York, que dizia “Nenhum candidato teria esperança de ser eleito em qualquer estado do país sem ser fotografado saboreando um cachorro-quente do Nathan’s Famous”.


Em 1970 a empresa abriu pela primeira vez seu capital na Bolsa de Valores. A ação foi necessária para financiar a inauguração do quarto restaurante localizado na badalada Times Square. Ainda nesta década, a empresa sob o comando de Murray, filho do fundador, começou a inaugurar unidades em outros estados como Nova Jersey e Connecticut. A família Handwerker vendeu a rede de restaurantes (eram aproximadamente 40 unidades) em 1987, quando começou a abertura, através do sistema de franquia, de inúmeros restaurantes na cidade e região. O enorme sucesso fez com que a empresa abrisse, pela segunda vez, seu capital na Bolsa de Valores em 1993.


Sob o comando de Wayne Norbitz, a empresa começou a diversificar a forma de vender seus produtos, focando-se em pontos de vendas e acordos de licenciamento em aeroportos, centros comerciais de compras, lojas de departamentos e arenas esportivas. Outra estratégia foi disponibilizar alguns de seus produtos para serem vendidos em supermercados e mercearias da cidade de Nova York. Em 1999, a empresa adquiriu duas pequenas redes de restaurantes de alimentação rápida: Kenny Rogers Roasters e Miami Subs (esta vendida em 2007). Com mais de 100 lojas, as duas se tornaram parceiras estratégicas dos produtos NATHAN’S FAMNOUS, que, hoje em dia, são também vendidos dentro dos restaurantes da Kenny Rogers Roasters e Arthur Treacher’s Fish and Chips, ambos de propriedade da empresa. Nesse mesmo ano a marca inaugurou seu primeiro ponto de venda no Oriente Médio, onde hoje em dia possui unidades no Egito e Israel.


Nos anos seguintes a marca se espalhou por todos os estados americanos, estando presente em centenas de milhares de pontos-de-venda. No dia 29 de outubro de 2012, a loja original em Coney Island fechou pela primeira vez em sua história devido à passagem do enorme furacão Sandy. O estabelecimento sofreu grandes avarias, mas foi reformado e reaberto na primavera de 2013 para alegria dos fãs. Em 2016, o NATHAN’S FAMOUS completou 100 anos da primeira venda de cachorro-quente. E para comemorar a histórica data em grande estilo, o restaurante original de Coney Island vendeu no dia 28 de maio cada cachorro-quente com o mesmo preço de há 100 anos. Apenas cinco centavos de dólar.


A linha do tempo 
1933 
Para comemorar o fim da Lei Seca nos Estados Unidos, o restaurante serviu copos de cerveja de graça. 
1939 
O presidente Franklin Delano Roosevelt serviu os famosos cachorros quentes do NATHAN’S FAMOUS para o rei e a rainha da Inglaterra durante uma recepção. 
1946 
Introdução de comidas a base de frutos do mar no cardápio do restaurante. 
1968 
Lançamento da primeira edição do livro The Nathan’s Famous Hot Dog Cookbook, com 150 receitas para fazer deliciosos cachorros-quentes. 
1971 
Inauguração de seu primeiro restaurante dentro de um shopping center no Brooklyn, Nova York. Hoje em dia, a empresa possui mais de 50 unidades dentro de shopping centers nos Estados Unidos. 
1985 
Início do sistema de licenciamento de pacotes de salsichas e outros produtos para serem vendidos em supermercados, mercearias e lojas de conveniência. 
1988 
Lançamento dos famosos empanados de salsicha como item de seu cardápio. 
1991 
Inauguração de seu primeiro quiosque dentro de um aeroporto, localizado no JFK em Nova York. Atualmente a empresa possui mais de 100 pontos de venda dentro de aeroportos. 
1994 
Inauguração de seu primeiro restaurante dentro da rede varejista The Home Depot
1995 
Introdução da famosa limonada fresca como item de seu cardápio. 
1998 
Lançamento do Nathan’s Branded-Product Program, um programa que permite a comerciantes e outros estabelecimentos venderem os produtos da NATHAN’S FAMOUS sem pagar royalties. A grande vantagem deste programa é permitir que outras redes de restaurantes comprem os produtos da marca, em especial cachorros-quentes e as tradicionais batatas fritas, e vendam como parte de seu cardápio. 
2000 
Lançamento de sua página na internet. 
2004 
A página da internet começa a vender produtos da marca como camisetas, bonés, canecas, bolas de golfe, jaquetas, mostarda e produtos alimentícios como as famosas salsichas, disponíveis em diversas versões. 
2014 
Lançamento do Mobile Tour, onde duas carretas rodam mais de 2.000 milhas para levar a milhares de pessoas o ambiente da loja original em Coney Island.


A mascote 
Em 1992 a rede resolveu criar uma mascote como parte do programa de alimentação infantil da marca. Surgia então o personagem NATHAN’S FRANKSTER, inicialmente um simpático cachorro-quente animado e atualmente apenas uma divertida salsicha vestida com gravata borboleta verde, avental e chapéu de cozinheiro.


A competição 
O campeonato NATHAN’S HOT DOG EATING CONTEST (“A Competição de Devoradores de Cachorro-Quente do Nathan’s”, em tradução livre) começou realizando competições para comer cachorros-quentes na comemoração de 4 de julho, em Coney Island, ao sul do bairro do Brooklyn, no ano de 1916. Segundo dizem, a história começou com quatro imigrantes europeus que fizeram uma aposta: quem comesse mais cachorros-quentes do NATHAN’S FAMOUS, seria o mais patriótico, ou seja, mais americano. O vencedor foi James Mullen, um imigrante irlandês, que comeu 13 cachorros quentes em 10 minutos.


A primeira competição oficial aconteceu no dia 4 de julho de 1972. O vencedor foi Jason Schechter, que comeu 14 cachorros-quentes. Desde então a competição se tornou um verdadeiro ritual, patrocinada com todo orgulho pela NATHAN’S FAMOUS. Na disputa de 2007, o americano Joey Chesnut, um californiano de 102 quilos, estabeleceu um novo recorde ao comer nada mais nada menos do que 66 cachorros-quentes em 12 minutos, e consagrou sua vitória sobre o hexa-campeão, o japonês Takeru Kobayashi, diante de um público, estimado pela polícia, de 50 mil espectadores. Em 2008, o californiano se sagrou bicampeão ao comer 59 cachorros-quentes. E, em 2010, repetiu a dose conquistando seu quarto título seguido, comendo 54 cachorros-quentes em apenas 10 minutos. Em 2011 foi criada a competição feminina, tendo como vencedora Sonya Thomas. A edição de 2016 teve um novo recorde: Joey Chestnut, novamente, foi capaz de comer 73.5 cachorros-quentes nos 10 minutos de prova, batendo a marca dele mesmo, de 69, alcançada em 2013.


Hoje em dia esse campeonato, realizado todos os anos em frente à primeira loja da rede NATHAN’S FAMOUS em Coney Island e transmitido nacionalmente pela rede ESPN, é considerado a Copa do Mundo da alimentação competitiva, além de ser o campeonato mundial de comilança de cachorro-quente do IFOCE (International Federation of Competitive Eating), e uma ferramenta poderosa de marketing para a marca NATHAN’S FAMOUS. Ao vencedor da competição: US$ 20.000 e o “cinturão mostarda”.


Os slogans 
America’s Favorite Hot Dog. (1997) 
More Than Just the Best Hot Dog. (1972) 
From a Hot-Dog to a National Habit.


Dados corporativos 
● Origem: Estados Unidos 
● Fundação: 1916 
● Fundador: Nathan Handwerker 
● Sede mundial: Jericho, New York, Estados Unidos 
● Proprietário da marca: Nathan’s Famous Inc. 
● Capital aberto: Sim (1993) 
● Chairman: Howard Lorber 
● CEO: Eric Gatoff 
● Presidente: Wayne Norbitz 
● Faturamento: US$ 100.8 milhões (2015) 
● Lucro: US$ 6.09 milhões (2015) 
● Valor de mercado: US$ 218.8 milhões (outubro/2016) 
● Restaurantes: 264 
● Presença global: 11 países 
● Presença no Brasil: Não 
● Funcionários: 237 (sem contar os franqueados) 
● Segmento: Alimentação rápida 
● Principais produtos: Cachorros-quentes, hambúrgueres e batatas fritas 
● Concorrentes diretos: Papaya King, Shake Shack, McDonald’s, Burger King, Sonic Drive-In, Dairy Queen e Oscar Mayer 
● Ícones: O cachorro-quente 
● Slogan: More than just the best Hot Dog! 
● Website: www.nathansfamous.com 

A marca no mundo 
A NATHAN’S FAMOUS conta atualmente com mais de 264 restaurantes e pontos de venda (quiosques e carrinhos) localizados em 21 estados americanos e em outros países como Rússia, República Dominicana, Panamá, Austrália, Kuwait, Malásia, Egito e Japão. Além disso, a marca vende seus produtos (pacotes de salsichas, empanados de salsicha, mostarda, entre outros itens) em 50 estados americanos através de 55 mil pontos de vendas como lojas de supermercados, mercearias e outros restaurantes, inclusive máquinas automáticas; sem contar outros pontos de vendas localizados em arenas esportivas, aeroportos, hotéis, centros de convenções, bases militares, escolas, universidades e lojas de conveniências. Em 2015 a rede vendeu mais de 550 milhões de seus famosos cachorros-quentes. 

Você sabia? 
As salsichas da marca comercializadas em supermercados e mercearias da região de Nova York são há mais de cinco anos as campeãs de vendas. 
NATHAN’S FAMOUS serve Coca-Cola desde 1916, sendo atualmente a mais antiga parceira da marca de refrigerantes no segmento. 
Durante os ataques terroristas de 2001 a rede teve uma unidade completamente destruída. 
A atriz Clara Bow, que fez enorme sucesso na era do cinema mudo, trabalhou antes da fama como garçonete no NATHAN’S FAMOUS. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers). 

Última atualização em 18/10/2016

Nenhum comentário: