6.1.10

WILLIAMS-SONOMA

A cozinha é um dos locais da casa que o americano, faminto por natureza, mais dá atenção na hora de equipar e decorar. Justamente por isso, a rede de lojas WILLIANS-SONOMA, preferida da classe média americana, apresenta novidades, lançamentos e tudo de mais moderno em facas, panelas, cafeteiras, batedeiras e artigos específicos para cozinha. Vende artigos para casa e itens gourmet, utilizando vídeos para aumentar o conhecimento do cliente sobre seus produtos, em ambientes prá lá de modernos e aconchegantes.

A história
Tudo começou no final da década de 40 quando Charles E. “Chuck” Williams chegou à cidade de Sonoma na Califórnia para trabalhar como contratante, e rapidamente construiu um círculo de amigos que adoravam cozinhar e comer deliciosas refeições juntos. Em 1953, ele e alguns desses amigos viajaram para Paris e tiveram os primeiros contatos com os tradicionais e clássicos equipamentos da cozinha francesa, como por exemplo, frigideira para omeletes e formas para suflês, até então itens desconhecidos na América. Ao retornar para os Estados Unidos, em 1954, ele comprou uma pequena loja de suplementos eletro-eletrônicos com a intenção de transformá-la em uma loja especializada em equipamentos e acessórios franceses de cozinha.


Em apenas dois anos, os produtos eletrônicos, como fitas isolantes, foram substituídos nas prateleiras por acessórios de cozinha, entre os quais panelas, bandejas e facas, importadas da França. A partir deste momento, em 1956, a loja passou a se chamar WILLIAMS-SONOMA, unindo o segundo nome do fundador ao da cidade em que o novo negócio estava instalado, e revolucionou a maneira como os americanos compravam utensílios de cozinha. O primeiro logotipo da loja foi desenhado pelo próprio Williams, e continha um abacaxi, símbolo de hospitalidade desde os tempos das colônias americanas. Desde então o abacaxi passou a ser um importante elemento na identidade de marca, traduzindo a grande hospitalidade da rede e o atendimento atencioso e superior.


Como muitos dos primeiros clientes da nova loja eram da região de San Francisco, Williams foi convencido a mudá-la para a cidade com o objetivo de aumentar a clientela e divulgar mais ainda seus produtos de cozinha. Foi então, que em 1958, a loja se mudou para San Francisco, localizada a poucos quarteirões do distrito comercial da cidade. Na década de 60, os americanos redescobriram a cozinha como ponto central da casa, programas culinários se tornaram populares, principalmente o de Julia Child, e o número de publicações deste segmento cresceu assustadoramente. O interesse pela arte de cozinhar fez com que a loja aumentasse sua gama de produtos e expandisse sua linha com muitas novidades, como, por exemplo, as famosas batedeiras da KitechenAid e as tradicionais panelas francesas coloridas da Le Creuset.


Por sugestão de uma assídua cliente, Jackie Mallorca, Williams publicou seu primeiro catálogo em 1971 com o objetivo de expandir seus negócios além da área da Baía de San Francisco. No ano seguinte, a loja já possuía duas vezes o tamanho da original, o catálogo recém-lançado crescia e a linha de produtos não parava de ser ampliada. A partir de 1973, a WILLIAMS-SONOMA começou a inaugurar outras lojas em cidades californianas como a segunda unidade, instalada em plena Rodeo Drive em Beverly Hills, e outras duas em Palo Alto e Costa Mesa. Quase no final desta década, em 1978, Howard Lester, que estava à procura de uma nova oportunidade no mundo dos negócios, ficou tão impressionado com o que viu quando visitou a WILLIAMS-SONOMA, que acabou comprando a empresa.


Em 1983 a empresa abriu seu capital na Bolsa de Valores, o que possibilitou uma expansão de sua rede de lojas pra vários estados americanos nos anos seguintes. A partir de 1991, o serviço de listas de casamento, que desde o início foi uma importante parte dos negócios, passou a ser computadorizado em todas as suas lojas. Com isso, de forma pioneira no segmento de varejo especializado, era possível comprar presentes para os noivos em qualquer loja da rede no país. Em 1994 a empresa introduziu o conceito Grande Cuisine em suas lojas, aumentando o espaço para exposição de merchandising, demonstrações de produtos e testes de alimentos e comidas, ampliando assim a experiência de compra de seus clientes.


No final desta década, em 1999, a WILLIAMS-SONOMA lançou seu comércio eletrônico, com um site rapidamente reconhecido por seu design e facilidade de utilização. A chegada do novo milênio foi marcada pela inauguração da primeira loja internacional da rede na cidade de Toronto no Canadá; e da diversificação de atuação da empresa, que passou a comercializar móveis e objetos de decoração e uma completa linha de cama-mesa-banho. Em 2006 a rede inaugurou dezenas de novas lojas em cidades como Beverly Hills, Palo Alto, Cincinnati, Indianápolis; Portland, entre outras. O enorme sucesso da WILLIAMS-SONOMA se deve a quem é literalmente apaixonado por cozinha. Por isso, em cada loja da rede tudo é lindo, organizado e muito cheiroso, um incrível cuidado que a empresa tem com cada detalhe ou produto exposto, especialmente com as vitrines.


A linha do tempo
1960
Começou a vender em sua loja as tradicionais e clássicas louças de porcelanas brancas da marca francesa Apilco. Rapidamente, os pratos e xícaras da marca francesa se tornaram os preferidos dos clientes da WILLIAMS-SONOMA.
1986
Lançamento do primeiro livro sobre gastronomia e cozinha da empresa: The Williams-Sonoma Cookbook with a Guide to Kitchenware. Desde então, a empresa já publicou mais de 250 livros, entre eles o campeão de vendas “Williams-Sonoma Kitchen Library series”.
1999
Lançamento do serviço de lista de casamento na página de comércio eletrônico da empresa.
2001
Inauguração da primeira loja internacional em Toronto. Hoje em dia a WILLIAMS-SONOMA possui 14 lojas no Canadá.
2004
Lançamento do primeiro catálogo WILLIAMS-SONOMA HOME, onde com uma produção sofisticada e chique, a linha de móveis era fotografada em ambientes requintados e de bom gosto.
2005
Inauguração na Beverly Boulevard em West Hollywood, estado da Califórnia, da primeira unidade da WILLIAMS-SONOMA HOME, loja especializada em móveis e decoração da empresa.
A empresa entrou em acordo com o popular programa “The Early Show” da CBS News, para transmissão de um segmento chamado “The 5-Minute Cooking School”, no qual era apresentado receitas e uma incrível variedade de técnicas e estilo para cozinhar. A série era gravada na loja âncora da WILLIAMS-SONOMA em Nova York, localizada no Time Warner Center.


A evolução visual
Recentemente a marca modificou seu tradicional logotipo, que continha um abacaxi, tornando-o mais moderno e sofisticado, refletindo assim seu novo posicionamento. Apesar da mudança, o abacaxi continua sendo utilizado em muitos materiais de comunicação da marca.


Dados corporativos
● Origem:
Estados Unidos
● Fundação:
1956
● Fundador:
Chuck Williams
● Sede mundial:
San Francisco, Califórnia
● Proprietário da marca:
Williams-Sonoma, Inc.
● Capital aberto: Sim (1983)
● CEO:
Laura Alber
● Presidente:
Richard Harvey
● Faturamento: US$ 3.72 bilhões (2011)
● Lucro: US$ 236.9 milhões (2011)
● Valor de mercado: US$ 3.8 bilhões (abril/2012)
● Lojas:
259
● Presença global: 3
países
● Presença no Brasil: Não
● Funcionários: 26.900
● Segmento:
Varejo
● Principais produtos:
Utensílios de cozinha, eletrodomésticos e móveis
● Concorrentes diretos:
Crate & Barell e Bed Bath & Beyond
● Ícones: O antigo abacaxi em seu logotipo
● Slogan:
The place for cooks.
● Website: www.williams-sonoma.com

A marca no mundo
A rede WILLIANS-SONOMA, especializada em utensílios de cozinha, possui 259 lojas espalhadas por 45 estados americanos, Porto Rico e Canadá. Faturando US$ 3.7 bilhões em 2011, a empresa ainda possui 18 unidades no conceito outlet e 10 lojas WILLIAMS-SONOMA HOME, especializada em objetos de decoração como móveis com design clássico. A WILLIAMS-SONOMA ainda comercializa seus produtos através de um site na Internet e um bem elaborado catálogo.

Você sabia?
Anualmente a WILLIAMS-SONOMA distribui mais de 50 milhões de cópias do seu famoso catálogo pelos Estados Unidos.


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers).

Última atualização em 5/4/2012

2 comentários:

Marcelo Suyço disse...

Como um blog tão bom fica sem comentários.. Parabéns pelo conteúdo, só faz mais de 1 hora que estou no seu blog.. Excelente!!

eric.leone disse...

Parabéns pela esclarecedora matéria. Além de despertar um forte desejo de revisitar a Williams Sonoma, julgo que este material estimula empreendedores na construção de conceitos e marcas emblemáticos.
Luiz Barbosa, SP/SP, lccboss@gmail.com