5.6.06

LITTLE CAESARS PIZZA


Milhares de americanos quando sentem aquela vontade de comer uma pizza saborosa e feita com ingredientes de qualidade no conforto de sua casa recorrem à rede de pizzas para viagens LITTLE CAESARS. Suas pizzarias estrategicamente localizadas e com um ambiente moderno e extremamente prático, faz com que os consumidores, se quiserem, nem desçam do carro para comprar a saborosa e fumegante pizza. 

A história 
O primeiro restaurante da rede de pizzas para viagens, inicialmente batizado de LITTLE CAESARS PIZZA TREAT, foi inaugurado no dia 8 de maio de 1959, em Garden City, um simpático subúrbio da cidade de Detroit, estado americano do Michigan, pelo dinâmico casal Mike (um ex-jogador de beisebol) e Marian Ilitch, que investiu US$ 10 mil para a abertura do novo negócio. O nome do restaurante foi sugerido por Marian, que achava seu marido um grande herói, daí o nome Little Caesars (“O pequeno César”). No início, além de pizzas, o restaurante vendia também frango, camarão e peixe. Na primeira semana o restaurante vendeu 296 pizzas, encontrando um nicho de mercado, comercializando pizzas de qualidade para viagem com preços baixos e convidativos. Dois anos depois o casal inaugurava sua segunda pizzaria. Em 1962 foi inaugurado, na área metropolitana de Detroit, em Warren, o primeiro restaurante franqueado da LITTLE CAESARS PIZZA, que começava a se transformar em uma rede. Finalmente em 1967 a rede inaugurou seu primeiro restaurante na cidade de Detroit.


A rede se tornou internacional no ano de 1969, com a inauguração de uma loja na cidade de Waterloo, região de Ontário, no Canadá. Nesta época a rede já possuía 65 restaurantes, expandindo-se para os estados de Ohio e Indiana. Durante esta década os restaurantes da rede ofereciam somente os serviços de entrega, porém, em 1971, a empresa mudou seu foco e passou a adotar apenas o serviço de pizzas para viagens e abreviou seu nome apenas para LITTLE CAESARS. Nesta época suas pizzas eram conhecidas pela alta qualidade e o uso de ingredientes naturais e selecionados. Em 1975, para enfrentar a forte concorrência do setor, a rede lançou a promoção “Buy one get one free”, onde duas pizzas do tamanho médio eram vendidas pelo preço de uma. O sucesso da promoção forçou seus concorrentes a adotarem a mesma estratégia. Nos anos seguintes a rede teve um crescimento fenomenal no mercado, além de introduzir, em 1977, convenientes janelas de Drive-Thru em alguns de seus restaurantes, melhorando a eficiência e rapidez de seus serviços de entrega. Ainda nesta década, em 1979, a rede lançou o famoso slogan “Pizza! Pizza! Two Great Pizzas! One Low Price!”, que se tornou um ícone da marca entre os consumidores americanos.



Nos anos de 1980 o faturamento da empresa explodiu baseado em três pilares: saturação do mercado, duas pizzas pelo preço de uma e apenas o serviço de pizzas para viagens (que eliminava custos como garçons, lavadores de pratos e entregadores). As inovações na área do marketing incluíam o primeiro restaurante inaugurado dentro do campus de uma universidade (localizado na Universidade do Oklahoma) e a primeira unidade dentro de um hospital, localizado no Mt. Carmel Mercy Hospital na cidade de Detroit. Em 1987 a rede possuía restaurantes em 50 estados americanos. No ano seguinte resolveu anunciar nacionalmente na televisão com uma série de comerciais cômicos, explicando o enorme crescimento que a LITTLE CAESARS teve na década de 1990.



O sucesso da rede também podia ser explicado pelo seu pioneirismo, sendo a primeira a inaugurar restaurante dentro de um estádio, a servir pizza em poucos minutos, entre outras inovações. Ainda nesta década a empresa começou a experimentar a venda de novos produtos como pizzas de chocolate, massas como ravióli e pães, além de restaurantes com alguns lugares para sentar e localizados dentro da rede de supermercados Kmart, que além de pizzas tinha em seu cardápio saladas, frutas frescas, sopas e sanduíches. Porém em meados desta década, a LITTLE CAESARS começou a sofrer com a concorrência e muitas de suas unidades que geravam prejuízos foram fechadas. Para enfrentar a grave crise, a empresa começou um enorme processo de reestruturação e ações criativas, como por exemplo, o lançamento, em parceria com a rede de hotéis Holiday Inn, de pequenos quiosques dentro de hotéis localizados em cidades com grande fluxo turístico como a de Orlando na Flórida. Nos anos seguintes a empresa fechou praticamente 60% de suas lojas, chegando a pouco mais de duas mil unidades contra as quase cinco mil que possuía na década de 1990. Apesar da diminuição drástica dos pontos-de-venda, os lucros voltaram.


Com o começo no novo século teve início um forte período de expansão internacional com inauguração de lojas em mercados emergentes como Turquia, além de países do Oriente Médio como Arábia Saudita e Jordânia. Além disso, a marca voltou a crescer em solo americano com a inauguração de centenas de novas lojas. Um dos diferenciais da rede nos dias de hoje é que a massa é fresca, feita todos os dias, e a utilização de mussarela (100%) e queijo Munster, de origem francesa. Além disso, o famoso molho de tomate contém uma mistura secreta de especiarias que os clientes amam.


O cardápio 
Apesar da LITTLE CAESARS possuir como principais produtos as famosas pizzas, a rede também oferece algumas outras opções de alimentação. Pães, asinhas de frango e churros não estão disponíveis em todas as lojas da rede, mas fazem parte do cardápio em algumas localidades. 
HOT-N-READY®: enorme pizza de 14 pedaços nos sabores queijo ou pepperoni, de rápido preparo, estando sempre pronta e quente nas lojas da rede sem ter que esperar. Passou a fazer parte do cardápio nacional da rede em 2004. 
DEEP! DEEP! DISH: pizza quadrada de massa grossa e crocante com generoso recheio de queijo e rodelas de pepperoni. 

ULTIMATE SUPREME: tradicional pizza da rede coberta com pepperoni, molho italiano, pimentão verde, cogumelos e cebolas. 
3 MEAT TREAT: pizza tradicional com pepperoni, molho e bacon ou pedaços de carne. 
HULA HAWAIIAN: pizza tradicional de queijo com tiras de presunto e pedaços de abacaxi. 

VEGGIE: tradicional pizza apenas com queijo e pedaços de legumes e vegetais como pimentão verde, cebola e tomate, além de cogumelos e azeitonas pretas. 
BABY PAN!PAN!: dois pedaços individuais de pizza quadrada nos sabores queijo ou pepperoni. 
CRAZY BREAD®: introduzido no cardápio da rede em 1982, são oito pedaços compridos de pão fresco cobertos com manteiga ou alho, e salpicado de queijo parmesão. Pode ser acompanhado do molho de tomate fresco chamado Crazy Sauce. 
ITALIAN CHEESE BREAD: pedaços de pães frescos cobertos com queijo e salpicados de queijo parmesão. 
PEPPERONI CHEESE BREAD: pedaços de pães frescos cobertos com queijo e pepperoni e salpicados de queijo parmesão. 
CAESAR DIPS: oito opções de molhos que servem de acompanhamentos para os pães e asinhas de frango. 
CAESAR WINGS: tradicionais asas de frango fritas. 
CHURROS: porção com três churros acompanhados de calda de chocolate ou doce de leite.



Fazendo o bem 
Em 1985 a empresa lançou o programa chamado LITTLE CAESARS LOVE KITCHEN, onde um restaurante sobre rodas (entenda-se um enorme caminhão equipado com uma moderna cozinha) percorria as principais cidades americanas servindo pizzas para os necessitados e moradores de rua, além de auxiliar em grandes desastres e catástrofes distribuindo refeições. Desde tornados em Oklahoma, furacões na Flórida até os ataques terroristas de 2001, a marca sempre esteve presente para ajudar a quem precisasse. Por exemplo, em 2005 o programa serviu mais de 100 mil vítimas dos furacões Katrina e Rita que assolaram o sul dos Estados Unidos. Desde sua introdução o programa já auxiliou mais de três milhões de pessoas carentes em 48 estados americanos e quatro províncias canadenses, levando uma refeição aonde quer que elas estejam. Atualmente existem dois enormes caminhões que percorrem centenas de cidades todos os anos.


A evolução visual 
O logotipo da marca passou por algumas alterações ao longo dos anos. Até 1971 a identidade visual da marca contava apenas com o nome LITTLE CAESARS PIZZA TREAT. Finalmente em 1971, a marca abreviou seu nome apenas para LITTLE CAESARS, adotou uma nova tipografia de letra e introduziu como símbolo principal de seu logotipo a tradicional mascote, “O Pequeno César”, que já era utilizada pela rede. Desde então o logotipo da marca passou apenas por atualizações, incluindo a diminuição de sua mascote, que não mais aparece de corpo inteiro.


Dados corporativos 
● Origem: Estados Unidos 
● Fundação: 8 de maio de 1959 
● Fundador: Michael e Marian Ilitch 
● Sede mundial: Detroit, Michigan, Estados Unidos 
● Proprietário da marca: Little Caesar Enterprises, Inc. 
● Capital aberto: Não 
● Chairman: Mike Ilitch 
● Presidente: David Scrivano 
● Faturamento: US$ 3.4 bilhões (estimado) 
● Lucro: Não divulgado 
● Lojas: 4.100 
● Presença global: 19 países 
● Presença no Brasil: Não 
● Funcionários: 18.000 (incluindo franqueados) 
● Segmento: Pizzarias 
● Principais produtos: Pizzas para viagem 
● Concorrentes diretos: Pizza Hut, Domino’s Pizza, Papa John’s Pizza, Papa Murphy’s Pizza, Sbarro e CiCi’s Pizza 
● Mascote: O pequeno César (Little Caesars) 
● Slogan: Pizza! Pizza! 
● Website: www.littlecaesars.com

A marca no mundo 
Atualmente a LITTLE CAESARS, terceira maior rede de pizzaria dos Estados Unidos atrás apenas da Pizza Hut e da Domino’s Pizza, está presente em 19 países com mais de 4.100 restaurantes (85% das unidades operando no sistema de franquia), faturando mais de US$ 3.4 bilhões todos os anos e continua sendo administrada familiarmente. Cada unidade da rede tem vendas anuais de em média US$ 460.000. Boa parte dos restaurantes não possui mesas (lugares para sentar), apenas o sistema Drive-Thru, operando em lugares onde grandes restaurantes e espaços são escassos. 

Você sabia? 
O casal Mike e Marian Ilitch são donos da equipe profissional de hóquei no gelo Detroit Red Wings e do time de beisebol Detroit Tigers. A marca comprou os naming rights da nova arena do Detroit Red Wings pelos próximos 20 anos e irá pagar uma média de US$ 6.25 milhões anualmente para batiza-la de Little Caesars Arena. A arena será inaugurada em 2017. 
Desde 2006 a empresa oferece o Programa de Veteranos Caesars, que oferece descontos significativos e créditos veteranos que estão fazendo a transição da vida militar para a civil ou que procuram uma mudança de carreira e querem possuir seu próprio restaurante LITTLE CAESARS. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers). 

Última atualização em 24/5/2016

Nenhum comentário: