7.12.22

PASSATEMPO®


Passatempo®, a marca mais querida de biscoito infantil do mercado brasileiro, há mais de três décadas conquista milhões de pequeninos consumidores, e porque não dizer outros tantos milhões de marmanjos, com seus biscoitos saborosos e divertidos. Afinal, o biscoito Passatempo® é um daqueles alimentos que está preso no nosso imaginário da época de criança. Com gostinho de infância, Passatempo® faz a alegria da garotada de todas as idades, contemplando também adultos com seu gostinho irresistível. 

A história 
As origens dos biscoitos Passatempo® remontam ao ano de 1967 quando a suíça Nestlé (conheça essa outra história aqui) adquiriu a indústria de biscoitos São Luiz, empresa fundada em 1931 pelo italiano Romeo Colombo. Apesar da aquisição, a empresa suíça resolveu manter a marca São Luiz, que ficaria famosa pelo jingle “É hora do lanche, que hora tão feliz. Queremos biscoitos São Luiz”. Em 1986, a Nestlé resolveu lançar uma linha de biscoitos direcionada ao público infantil. Era o surgimento da marca DIVERTIDOS SÃO LUIZ, deliciosos biscoitos de leite retangulares que apresentavam personagens impressos no sabor caramelo. A marca foi pioneira em explorar o universo infantil, inicialmente com Snoopy e posteriormente com personagens notórios do mundo Disney (conheça essa outra história aqui). Desde o lançamento, a proposta básica da marca, divulgada com o slogan “Alimentam brincando”, era conectar os universos “fun” e “food” tendo como preocupação sensibilizar equilibradamente crianças e mães.
   

Em 1992, a empresa suíça resolveu reformular completamente a linha de biscoitos infantis. O resultado foi o relançamento do produto com o nome Passatempo® Recheado da São Luiz, que passou a oferecer além dos tradicionais biscoitos de leite, também biscoitos recheados de chocolate (esses no formato quadrado). O novo biscoito recebia um gostoso recheio de chocolate Alpino (conheça essa outra história aqui) e possuía impresso desenhos de personagens famosos como A Família Dinossauros, Tartarugas Ninjas e Snoopy. Depois vieram outras versões com desenhos de letras, números, animais e ícones infantis e também o sabor morango. Afinal o conceito do biscoito foi desenvolvido para as crianças brincarem e compartilharem, com a finalidade de promover uma infância mais feliz, auxiliando diretamente no seu desenvolvimento saudável. Em 1997, a marca lançou uma linha de biscoitos que vinham com animais impressos, batizado como “a Gangue de Passatempo®”.
    

Nos anos seguintes, Passatempo® se tornou presença quase obrigatória nas lancheiras escolares, e cujos biscoitos conquistaram o coração - e o paladar - da criançada. Dentro do segmento de biscoitos, rapidamente Passatempo® ganhou destaque e se tornou um verdadeiro clássico. A qualidade do alimento, o sabor diferenciado e o conceito das campanhas foram fatores que fizeram o público alvo ultrapassar a faixa etária infantil, atingindo também jovens e adultos. Em 2001, a marca fez diversos lançamentos no mercado, entre os quais Passatempo® Top (cujos biscoitos vinham com personagens Disney impressos) e Passatempo® Coberto, o tradicional biscoito coberto com Chocolate Nestlé. No ano seguinte a marca apresentou mais uma novidade, o Passatempo® Comics (biscoito em formato de bichinho e barriga de chocolate, incluindo uma versão de morango que coloria a língua de azul), que contou com uma campanha publicitária estrelada pela Xuxa, a Rainha dos Baixinhos, público alvo dos biscoitos. Foi ainda nesse ano que a marca São Luiz saiu do mercado, dando lugar à Nestlé na assinatura da linha dos biscoitos Passatempo®.
  

Em 2008, a Nestlé resolveu transformar o biscoito Passatempo® em chocolate e inaugurou linha de tabletões, que trazia pedaços do biscoito em sua composição. Em 2010, a Nestlé resolveu renovar o portfólio da marca Passatempo® de biscoitos. Sucesso entre crianças e adolescentes, o produto ganhou nova identidade visual, com um personagem - um macaquinho jovem e descolado - que dava destaque aos nutrientes que compunham os biscoitos. Com o exclusivo NutriActive, Passatempo® passou a conter minerais essenciais para a alimentação das crianças, com cálcio e zinco na linha regular (recheados, waffers e cobertos) e cálcio, zinco e magnésio na linha Júnior (leite e chocolate). A nova campanha era suportada pelo conceito “Porque brincar faz bem demais!” e incentivava o relacionamento entre pais e filhos, apostando em brincadeiras para estimular o desenvolvimento e o raciocínio das crianças.
  

Em 2014, um filme publicitário apresentava a mais recente novidade da marca: o Passatempo® com recheio de leite, cujo sabor era uma inovação no mercado e, assim como a versão tradicional, oferecia 15% das necessidades diárias de cálcio e zinco em uma porção (3 biscoitos). Nessa época, a linha completa de Passatempo® era composta pelas versões recheada nos sabores Chocolate, Morango e Leite, Biscoito de Leite e Leite Coberto com Chocolate, além do wafer nos sabores Chocolate e Morango. No ano seguinte, a marca ampliou seu portfólio ao lançar Passatempo® Cookie, feito com mix de cereais, fonte de cálcio e zinco e com deliciosas gotas de chocolate, o novo produto era crocante como todo cookie, mas com aquele gostinho e aroma que só Passatempo® tem.
  

No ano de 2016, a marca adotou um sistema abre-fecha para as embalagens de seus biscoitos: o fitilho que abre a embalagem servia também para fechar o pacote e manter os biscoitos fresquinhos e crocantes. Além disso, a marca resolveu reduzir a quantidade de açúcar de seus biscoitos recheados, cuja fórmula passou a estar alinhada aos anseios dos pais que desejavam oferecer alimentos mais saudáveis para os filhos. Os biscoitos contavam ainda com mais cálcio em seus ingredientes. Mudanças na fórmula, a manutenção do mesmo gostinho que todos adoram e o incentivo às brincadeiras foram destaques na nova campanha de Passatempo® para esse ano. Afinal, o melhor jeito de garantir o sabor e a diversão de toda a família é com Passatempo®. Em 2017, a Nestlé apresentou um novo produto que reunia duas de suas marcas mais queridas: o chocolate Galak e o biscoito Passatempo®. O novo tablete de 98 gramas combinava deliciosos pedacinhos do biscoito ao leite Passatempo com o chocolate branco Galak. Outra novidade do ano foi a apresentação de um novo sabor: Passatempo® Recheado Doce de Leite (segundo a empresa, a novidade era feita com leite, sendo fonte de cálcio e zinco).
  

Dando continuidade ao seu DNA de inovação, em 2018 a marca lançou a linha Passatempo® Choco Mix, que além da tradicional casquinha sabor leite, já existente, ganhou duas novas opções com casquinha sabor chocolate, nas versões com recheio sabor morango e chocolate. Por meio dos desenhos de mãozinhas - que aparecem nos biscoitos e na embalagem - a nova linha ensinava o significado dos diferentes gestos para os pequenos testarem seus conhecimentos e se divertirem juntos. O ano de 2019 apresentou uma grande novidade na linha da marca com o lançamento da versão recheada com famoso queijo tipo Petit Suisse Chambinho. Nessa nova versão os biscoitos ganharam o formato de uma flor com coração no meio, mostrando o recheio do produto e fazendo a referência à mascote da marca. De acordo com a marca, o objetivo do novo formato era fazer o momento do consumo ser um pouco mais lúdico e voltado para as crianças.
  

Em 2020, com o intuito de deixar o lanche das crianças ainda mais gostoso, saboroso e diversificado, e atendendo ao pedido dos pequenos consumidores, a Passatempo® se uniu a duas das marcas mais amadas de chocolates Nestlé e lançou duas novas versões feitas com Baton e Galak. O Passatempo® Choco Mix Galak trazia o biscoito de chocolate recheado com Galak. Já o Passatempo® Choco Mix Baton trazia o biscoito no sabor baunilha e o recheio feito com Baton. O lançamento contava com 40% a mais de recheio, deixando seus biscoitos ainda mais irresistíveis. Ainda nesse ano, a marca resolveu ampliar seu portfólio com o lançamento do Passatempo® Super Recheio, o tradicional biscoito com mais recheio. Em 2021, Passatempo® passou por um reposicionamento de marca que incluiu nova fórmula, desde a reformulação da casquinha - agora mais crocante e perfeitamente assada - até o recheio, mais intenso, feito com o tradicional Chocolate Nestlé.
  

Em 2022, a Nestlé resolveu ampliar seu portfólio de cereais matinais com uma de suas marcas mais icônicas, Passatempo®, cujos cereais - com o sabor chocolate e baunilha - chegaram ao mercado para garantir ainda mais sabor, nutrição e diversão no consumo. Diferente dos cereais encontrados no mercado, este vem em formato mais retangular, com o contraste de cores valorizando o produto e remetendo à figura do tradicional biscoito Passatempo®. Além do produto, que expandiu a marca Passatempo® para outra categoria, a embalagem também chama a atenção. De forma lúdica, a caixa do cereal conta com divertidas ilustrações de animais - como jacaré, zebra, onça e macaco - e atividades educativas com os tradicionais personagens da marca e convida o consumidor a aprender brincando. A campanha de lançamento apresentou o slogan “Cereal Passatempo®. Divertidamente nutritivo.”.
  

E as novidades de 2022 não pararam. Isto porque a marca pensou em como poderia ter um impacto social e resolveu lançar uma edição especial feita com muito carinho para reforçar valores primordiais, como por exemplo, a inclusão e a empatia com o próximo. Batizada de Passatempo® Libras, os biscoitos contam com ilustrações do alfabeto da Língua Brasileira de Sinais (conhecida como Libras), como uma ferramenta de aprendizado e inclusão. Além disso, a campanha de divulgação do novo produto tem o mote “Diversão e aprendizado para todo mundo” e conta com um hotsite (clique aqui para acessar) com atividades e jogos didáticos para ensinar a língua composta de sinais e usada pela comunidade surda brasileira.
  

Além disso, com o objetivo de acompanhar os consumidores nas mais variadas ocasiões de consumo, Passatempo® expandiu seu portfólio de biscoitos plenos, que não possuem recheio ou cobertura, com a chegada dos sabores Maisena (proporciona crocância e leveza) e Leite Maltado (traz uma textura amanteigada e sabor de leite caramelizado), opções que derretem na boca e prometem agradar toda a família.
  

A essência de Passatempo®, como o próprio nome sugere, é um momento de diversão, traduzida, inclusive, nos desenhos lúdicos em seus biscoitos. Por isso, durante os últimos 30 anos, Passatempo® sempre buscou inovar para conquistar o gosto dos consumidores e se manter presente nos lares brasileiros. E isso passou pelo seu portfólio de delícias, que se transformou e cresceu, até a forma como a marca se apresenta para as famílias brasileiras. O objetivo como marca é oferecer uma experiência que vai além do que já é conhecido pelos consumidores, tornando o café da manhã ou ainda uma refeição intermediária uma oportunidade para se reunir e explorar novas atividades com a família. Afinal, quem não tem uma história de infância com Passatempo®? Há 30 anos na vida dos brasileiros. Do tradicional recheado com chocolate, as novidades irresistíveis.
  

O conceito 
Mais que um simples biscoito recheado, Passatempo®, como o nome propõe, representa o conceito de diversão, brincadeira e de descontração no lanche da criançada. A marca foi responsável por criar uma nova forma de consumir, estimulada pelas figuras que vêm impressas nos biscoitos, que incentiva os consumidores a dividirem o produto com os amigos, fortalecendo as noções de compartilhamento e companheirismo.
   

A evolução visual 
A identidade visual da marca Passatempo® passou por algumas remodelações ao longo dos anos. Sempre mantendo a tradicional cor vermelha, o logotipo evoluiu, mas sem perder o caráter lúdico, especialmente em relação à tipografia de letra. O atual logotipo da marca foi adotado em 2020.
  

Os slogans 
Brincadeira que alimenta. 
Divertido como sempre, saboroso como nunca. (2021) 
Diversão para as crianças, sabor irresistível para toda a família. (2020) 
Brincadeira que alimenta a infância. (2017)
É brincando junto que se aprende. (2015) 
Porque brincar faz bem demais! (2010) 
Muitos anos de sabor e diversão. 
É divertido comer. (1993)
  

Dados corporativos 
● Origem: Brasil 
● Lançamento: 1992 
● Criador: Nestlé 
● Sede (Brasil): São Paulo, Brasil 
● Proprietário da marca: Nestlé S.A.
● Capital aberto: Não 
● CEO: Marcelo Melchior (Brasil) 
● Faturamento: Não divulgado 
● Lucro: Não divulgado 
● Presença global: Não (presente somente no Brasil) 
● Segmento: Alimentos 
● Principais produtos: Biscoitos 
● Concorrentes diretos: Trakinas, Danix, Tortuguita, Adria Plugados, Bauducco e Richester Animados Zoo 
● Ícones: Os desenhos impressos nos biscoitos 
● Slogan: Brincadeira que alimenta. 

A marca no Brasil 
A linha de biscoitos Passatempo® (que inclui wafer, recheado, doce, com cobertura e até cookies) está presente em mais de 21 milhões de lares brasileiros, sendo vendida em mais de 180.000 estabelecimentos por todo o Brasil, dos menores e mais longínquos locais aos maiores e mais conhecidos varejistas. 

Você sabia? 
Bono, Maisena e Negresco foram algumas das marcas que começaram como Biscoitos São Luiz. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Exame, Embalagem Marca, Claudia e Época Negócios), jornais (Meio Mensagem), sites especializados em Marketing e Branding (Mundo do Marketing) e Wikipedia (informações devidamente checadas). 

Última atualização em 7/12/2022 

O MDM também está no Instagram. www.instagram.com/mdm_branding/

25.11.22

STAEDTLER


A fórmula é secreta, o lápis é mundialmente famoso. Assim pode ser definida a história de sucesso da alemã STAEDTLER, que há mais de 180 anos se mantém fiel às suas raízes e com a qualidade do “Made in Germany”. Pioneira quando se trata de criar harmonia entre os mundos analógico e digital, seus produtos premium apoiam milhões de consumidores ao longo de suas vidas - desde suas primeiras tentativas de colorir ou escrever até suas conquistas criativas na terceira idade - com ferramentas que são precisamente adaptadas às necessidades de cada indivíduo. 

A história 
A história da empresa tem suas origens no ano de 1662, quando o carpinteiro Friedrich Staedtler surgiu com uma grande ideia, que estava livre de quaisquer convenções. Contra as exigências do Conselho de Nuremberg, ele começou a fabricar tanto as minas de grafite quanto o revestimento para lápis (a madeira). Ao fazê-lo, aboliu a separação entre a produção da mina pelos cortadores de grafite, e a produção do corpo de madeira pelos carpinteiros. Com isso, além de se tornar o primeiro artesão a fazer lápis do início ao fim, ele estabeleceu um comércio independente e eficaz de fabricação de lápis na cidade alemã de Nuremberg. Mas seria seu tataraneto, Johann Sebastian Staedtler, que inventaria o lápis de cor como ainda o conhecemos hoje. Isto porque, em 1834, Johann Sebastian conseguiu aprimorar o lápis de giz vermelho para que todos pudessem apontá-los até um ponto mais fino, permitindo espessuras de linhas finas e melhor desenvolvimento no papel.
   

Além disso, ele também desenvolveu um processo para produção de cartuchos de giz de óleo com cores diferentes, no qual os pigmentos eram misturados com ligantes, moídos várias vezes, prensados e secos no forno. Logo após sua invenção, Johann Sebastian fundou no dia 3 de outubro de 1835, na cidade de Nuremberg, a J.S. Staedtler para a produção em massa de grafite preta, giz vermelho e lápis pastel. Já em 1853, o fabricante de lápis de Nuremberg exibiu com sucesso seus produtos na Exposição Mundial de Nova York. Com isso, apenas alguns anos depois, a qualidade desses produtos já eram apreciadas em países como Áustria, França, Inglaterra, Itália e Rússia, além da América e da Ásia.
   

Em um de seus primeiros catálogos - que data de 1860 - a empresa já oferecia seus lápis de cor com a marca “Creta Polycolor”, disponíveis em 100 tonalidades diferentes, como por exemplo, em “Vermelho Carmim Claro”, “Verde Mar” ou “Azul Azure”. A intenção inicial era que esses lápis inspirassem artistas ou comerciantes, mas devido à facilidade de uso e preço acessível, as crianças e adolescentes começaram a utilizá-los nas aulas de artes e em tarefas em casa. Por conta disso, a empresa acabou desenvolvendo uma linha de lápis pastéis de óleo colorido em madeira com apenas 11 cm de comprimento. Em 1886, a empresa já possuía 54 funcionários e produzia mais de 2.1 milhões de lápis por ano.
  

Em 1901, a STAEDTLER criou uma de suas linhas mais clássicas: a Noris, inicialmente compostas por lápis, e que se tornaria muito importante e estratégica no segmento de produtos escolares. Em um catálogo da STAEDTLER, em 1919, já eram apresentados diversos materiais escolares com o nome Noris, desde apontadores a lápis de bolso, canetas de tinta permanente, canetas para cópia e giz pastel colorido. Essa linha é associada, sobretudo, às cores do lápis Noris 120 - preto e amarelo. O lápis icônico obteve seu design de riscas amarelas e pretas em 1955. Desde então, o famoso visual (listras amarelas e pretas, principalmente com uma ponta vermelha brilhante) foi aplicado a vários outros produtos da marca. Vale destacar que a combinação de amarelo e preto já está bem enraizada pelo mundo, fazendo com que o lápis Noris se destaque em estojos em diversos países. Sua força é tamanha, que uma pesquisa realizada em 2017, na Inglaterra, a STAEDTLER pediu a algumas pessoas para que desenhassem um lápis. Oito a cada dez desenharam um lápis com riscas em amarelo e preto. Atualmente a Noris oferece uma linha diversificada de produtos, como lápis, borrachas, apontadores, compassos, marcadores de ponta de fibra, esferográficas e cadernos de exercícios de escrita.
  

Em 1922, foi aberta uma subsidiária em Nova York e, em 1926, outra no Japão, fortalecendo assim a internacionalização da marca. Em 1937, o nome da empresa foi alterado para Mars Pencil and Fountain Pen Factory e a produção se expandiu para a fabricação de instrumentos mecânicos de escrita. Com isso, no ano de 1949 a STAEDTLER iniciou a produção de canetas esferográficas, que tiveram grande aceitação na época. Pouco depois, em 1950, a STAEDTLER iniciou a fabricação de lapiseiras, sendo as primeiras feitas de madeira. Quatro anos mais tarde, a marca Lumocolor foi registrada pela empresa e seria utilizada em uma ampla gama de marcadores. Em 1962, a empresa começou a produzir canetas técnicas e, pouco depois em 1964, inventou o marcador OHP.
  

A década de 1970 foi marcada pela diversificação em seu portfólio, como por exemplo, com a linha de massa de cerâmica plástica FIMO - criada em 1939, que recebeu esse nome em 1966 e desde 1978 pertence à STAEDTLER - que apresenta alta durabilidade e pode ser utilizada para fazer ou confeccionar acessórios, enfeites de decoração, esculturas e muito mais - propagando assim suas atividades no segmento de artesanato. Em 1997, a STAEDTLER lançou outra linha que se tornaria famosa: Triplus, que desde o nascimento oferecia canetas com forma triangular, permitindo assim uma escrita ergonômica - um dos motivos pelo quais jovens e adultos apreciam a linha hoje em dia. Atualmente, ergonomicamente projetados, os objetos de escrita dessa linha abrangem lápis, canetas esferográficas, canetas de gel, marcadores, lápis de cor, canetas com ponta de fibra e lapiseiras.
   

O talento inovador do sobrenome Staedtler moldou a empresa nos anos seguintes. A empresa gerou continuamente novas ideias que transformaram o lápis STAEDTLER no preferido de milhões de pessoas pelo mundo afora. Dessa constante inovação surgiu em 2005 o primeiro lápis de cor com ABS (Anti Break System), uma película de proteção cuja tecnologia garante até 45% a mais de resistência contra quebras, e consequentemente menor consumo de madeira e interrupções no uso; o método para fortalecer as frágeis pontas dos lápis de cor (2007); os primeiros lápis coextrusados (2009) e os lápis de cor feitos de material WOPEX (2015), um compósito inovador constituído principalmente de madeira certificada PEFC e que utiliza uma tecnologia inovadora e exclusiva que permite aproveitar 70% da madeira em comparação aos 30% utilizados na produção dos lápis convencionais.
  

Em 2008, a STAEDTLER lançou o World Kids Coloring Day (Dia Mundial das Cores Solidárias em português), que desde então convida crianças de todo o mundo a desenhar por uma boa causa todos os anos. Para cada imagem desenhada, a marca apoia organizações de ajuda às crianças com um euro - tornando os pequenos artistas grandes ajudantes comprometidos com as crianças em vulnerabilidade. Por exemplo, em 2022 o Dia Mundial das Cores Solidárias foi realizado no dia 6 de maio com o lema “Vamos descobrir a natureza - no ar” (em inglês “Let’s discover nature - in the air”) e recebeu 32.304 desenhos de muitas partes do mundo. Com isso, a quantia de €32.304 foi doada à organização de ajuda às crianças Plan International Germany para o projeto “Allin Mikuna - Nutrição Saudável para Crianças!” no Peru.
  

Como o cotidiano escolar está em constante transformação, tornando-se cada vez mais digital, a marca respondeu a essa tendência e lançou o Noris Digital Classic (2017) e o Noris Digital Jumbo (2020), lápis de introdução de dados digitais para tablets e afins. Além disso, em 2019, com a intenção de consolidar-se de vez no mercado latino-americano, a STAEDTLER, adquiriu a maior fábrica de materiais escolares e de escritório do Peru, a Artesco. E seguindo com os investimentos na região, a empresa alemã escolheu o Brasil para residir sua primeira subsidiária na América Latina, dando início a estratégia de expandir sua operação e portfólio.
  

O valor número um da STAEDTLER é a Qualidade. Isso pode ser percebido até nas borrachas da marca alemã. Produzidas pela marca há mais de 40 anos, todos os modelos são embalados individualmente em polietileno. A principal posição da STAEDTLER na fabricação de borrachas é a recusa ao uso de borracha natural porque, em primeiro lugar, a composição de borrachas desenvolvida pela empresa e patenteada em várias características supera a qualidade das de borracha natural e, em segundo lugar, a borracha natural contém látex que pode causar reações alérgicas.
   

Com produtos inovadores de alta qualidade, a STAEDTLER quer ser uma fonte de inspiração e estar ao lado de pessoas de todas as idades que desejam tornar realidade as suas próprias ideias. Por isso, atualmente a STAEDTLER oferece uma ampla e completa gama de produtos (são mais de 3 mil itens), como por exemplo, lápis grafites tradicionais, lápis de cores para adultos e crianças, marcadores de ponta de fibra, gizes, apontadores, borrachas, aquarelas, compassos, tesouras, massas de cerâmica plástica e os produtos da linha digital, adaptados para todos os públicos e para um dia a dia mais criativo.
  

Um ícone azul 
O lápis STAEDTLER Mars Lumograph é um dos principais ícones da marca alemã e destina-se principalmente aos artistas e desenhistas. Essa linha de lápis de desenho de qualidade Premium, oferece lápis perfeitos (reconhecido por sua característica cor azul) para esboçar, desenhar, sombrear e escrever em papel e filme de desenho fosco. A composição especial das minas desses lápis assegura sombreados brilhantes numa grande variedade de tons de cinza, para esboços e desenhos expressivos. Além dos tradicionais lápis de desenho, cuja mina se caracteriza por um brilho prateado, o Mars Lumograph negro, com o seu elevado teor em negro de fumo, é recomendado para um resultado de preto mais profundo e mate, disponível em 6 graus de dureza. Deste modo, é particularmente adequado para artistas, para desenhar e sombrear, assim como para esboços e retratos expressivos. A linha ainda oferece lápis solúveis em água (Mars Lumograph Aquarell), mais adequados para os clássicos desenhos em aquarela e disponível em três graus de dureza constantes e, por conseguinte, é especialmente adequado para uma variedade de tons de cinzento e preto, combinado com água.
  

A rivalidade 
Se você acha que as grandes rivalidades no mundo dos negócios se resumem a Coca-Cola (conheça essa outra história aqui) e Pepsi-Cola (saiba mais aqui) ou McDonald’s (para saber mais clique aqui) e Burger King (conheça essa história completa aqui), está totalmente enganado. Duas fabricantes de lápis de Nuremberg - STAEDTLER e Faber-Castell - já batalhavam antes que qualquer uma dessas marcas - ou mesmo que sua terra natal, os Estados Unidos - sequer existisse. É uma rivalidade construída ao longo dos séculos. Sim séculos. Tudo para ver quem é a empresa mais antiga. Cada uma delas alardeia marcos históricos: o carpinteiro Friedrich Staedtler foi o primeiro produtor de lápis de madeira de que se tem registro (1662), e seus descendentes foram pioneiros na fabricação de lápis de cor em 1835 com a fundação da STAEDTLER por seu tataraneto. Já a Faber-Castell (conheça essa história completa aqui) foi fundada em 1761 pelo hábil aprendiz de carpinteiro Kaspar Faber, em Stein, próximo a cidade alemã de Nuremberg, para a produção de lápis. Essa “guerra do lápis” sobre qual empresa pode alegar ser a mais antiga levou as duas ao tribunal anos atrás.
  

Essa rivalidade é tamanha, que dois séculos atrás, a concorrência na cidade Nuremberg era tão acentuada que ambas as empresas roubavam artesões uma da outra. E os moradores de Nuremberg tomavam partido nessa briga. São como times de futebol - as pessoas gostam de um ou do outro. Hoje, as rivais ainda brigam para dominar o mercado de lápis, digladiando-se principalmente pelo segmento de coloridos para crianças. Ambas as empresas afirmam que são rivais amigáveis no momento, mas isso pode mudar a qualquer momento.
  

Sustentabilidade acima de tudo 
A STAEDTLER dedica-se completamente ao lema “Efficient for ecology”. Isso significa que, com tecnologias inovadoras, a empresa consegue tornar os processos de produção cada vez mais eficientes e, assim, aumentar a vida útil dos produtos. Respeitando o meio ambiente, a empresa alemã consome menos matéria-prima e reduz emissões de CO2. E em respeito à natureza e com responsabilidade social, a STAEDTLER conta com a sua própria plantação de árvores no Equador. Por isso, os lápis da empresa são feitos com madeira certificada, reforçando o compromisso com o meio ambiente e a responsabilidade em relação à madeira, considerada matéria-prima essencial para a multinacional.
  

Graças à excepcional tecnologia de produção, a STAEDTLER não precisa de tábuas de madeira como nos processos convencionais para produzir lápis e lápis de cor Upcycled Wood. Isto porque utiliza serragem de madeira proveniente de processos de aplainamento na indústria da marcenaria. Isso significa que até os menores restos de madeira podem ser reutilizados em lápis de alta qualidade. Para tornar os produtos mais duradouros, a empresa desenvolveu também a tecnologia DRY SAFE. E a natureza serviu de inspiração: ao ver que muitas plantas usam uma camada de cera para evitar que os seus frutos e folhas sequem, a STAEDTLER aplica esse princípio aos seus produtos. Assim canetas e marcadores podem ficar destampados durante dias sem secarem. Além disso, 95% das embalagens, como estojos para lápis de cor, foram convertidas em pelo menos 80% de material reciclado.
   

A evolução visual 
A identidade visual da marca STAEDTLER tem como principal símbolo “A Cabeça de Marte”. Seu primeiro logotipo foi introduzido em 1908 e apresentava justamente uma imagem do deus romano da guerra, Marte. Posteriormente esta imagem seria redesenhada várias vezes (como mostra a imagem abaixo), mas sempre estaria presente no logotipo da marca alemã. Vale ressaltar que em 1900 a STAEDTLER alemã registrou a marca Mars (que representava o antigo deus romano da guerra), usando o nome para algumas linhas de produtos e, que pouco depois, seria utilizado para nomear e representar o logotipo da marca.
  

Já o primeiro logotipo que aparecia o nome STAEDTLER foi adotado em 1957 e apresentava uma composição em preto e branco com a imagem limpa e moderna da Cabeça de Marte, à esquerda do nome. A primeira remodelação ocorreu em 1963, quando o símbolo ganhou um visual mais moderno (formado por três fragmentos pretos sólidos, separados entre si por finas linhas brancas) e uma tipografia de letra mais forte, com linhas retas e formas largas. Em 1973 ocorreu uma reformulação mais profunda. O logotipo ganhou uma nova paleta de cor (ambos os elementos em um tom de azul profundo e brilhante, uma espécie de arroxeado), o símbolo foi refinado e ganhou novo design e uma nova tipografia de letra foi adotada (ambas as letras “T” apresentam suas barras horizontais alongadas e se fundindo com as letras que estão à sua esquerda). O atual logotipo foi adotado em 2001 e apresentou um tom de azul mais escuro, um novo design para a “Cabeça de Marte” e uma tipografia de letra mais limpa e arredondada.
  

O logotipo da STAEDTLER pode ser aplicado na horizontal ou vertical e no fundo branco ou azul.
  

Os slogans 
Head of ideas. (2021) 
Release your creativity! (2018) 
Draw your future, earn your stripes. (2018) 
Cada ideia uma STAEDTLER. (2021) 
Evoluída como você. (2009)
  

Dados corporativos 
● Origem: Alemanha 
● Fundação: 3 de outubro de 1835 
● Fundador: Johann Sebastian Staedtler 
● Sede mundial: Nuremberg, Alemanha 
● Proprietário da marca: Staedtler Mars GmbH & Co. KG 
● Capital aberto: Não 
● Presidente: Axel Marx 
● Faturamento: €350 milhões (estimado) 
● Lucro: Não divulgado 
● Presença global: 150 países 
● Presença no Brasil: Sim 
● Funcionários: 2.500 
● Segmento: Papelaria e escrita 
● Principais produtos: Lápis, canetas, lapiseiras, marcadores e borrachas 
● Concorrentes diretos: Faber-Castell, Caran D’Ache, Stabilo, Crayola, Paper-Mate, Pilot, Pentel, Molin, Sharpie e BIC 
● Ícones: O lápis Noris 120 
● Slogan: Head of ideas. 

A marca no mundo 
A STAEDTLER, uma das mais antigas empresas industriais da Alemanha e uma das principais fabricantes e fornecedores mundiais de produtos de escrita, coloração, desenho e criatividade, exporta seus produtos para mais de 150 países ao redor do mundo. Com faturamento anual estimado em €350 milhões e 9 fábricas (sendo 4 localizadas na Alemanha), a empresa emprega aproximadamente 2.500 funcionários em todo o mundo, sendo mais de 1.200 deles somente na Alemanha. Além disso, a empresa fabrica ⅔ de seus produtos em seu país de origem, onde desenvolve constantemente novas abordagens para conectar a tradição analógica com a inovação digital. Isso torna a STAEDTLER a maior fabricante de lápis de madeira, marcadores universais, borrachas, minas de lapiseiras e argila de modelagem industrial na Europa. 

Você sabia? 
Em seu país de origem a STAEDTLER já utilizou slogans populares como “Tauchen Sie ein in die Welt der Kreativität” (2013), algo como “Mergulhe no mundo da criatividade”; “Strich für Strich ein Staedtler” (1988), “Um Staedtler linha por linha” em português; e “Euer Freund für’s Schreiben, Zeichnen, Malen” (1987), em tradução livre “Seu amigo para escrever, desenhar, pintar”. 
Em 2015, a STAEDTLER chegou a entrar no Guinness Book of Records com um lápis de cor Noris que, com 459.97 metros, era o lápis de cor mais longo do mundo na época. 
A Fundação STAEDTLER foi criada em 1997 para apoiar pesquisas científicas em universidades alemãs e projetos culturais na região metropolitana da cidade de Nuremberg. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Exame), jornais (Valor Econômico, Estadão e Meio Mensagem), sites especializados em Marketing e Branding (Mundo do Marketing e Interbrand) e Wikipedia (informações devidamente checadas). 

Última atualização em 25/11/2022 

O MDM também está no Instagram. www.instagram.com/mdm_branding/

3.11.22

BEST GLOBAL BRANDS 2022


Este é o ranking de 2022 das 100 mais valiosas marcas do mundo criado pela renomada consultoria de marketing/branding Interbrand, empresa fundada na cidade de Londres em 1974. Os valores representam bilhões de dólares. Basta clicar no link de cada marca para acessar ao perfil exclusivo de cada uma preparado pelo Mundo das Marcas.

1. Apple (Estados Unidos) - US$ 482.215

2. Microsoft (Estados Unidos) - US$ 278.288  

3. Amazon (Estados Unidos) - US$ 274.819 

4. Google (Estados Unidos) - US$ 251.751 

5. Samsung (Coréia do Sul) - US$ 87.689 

6. Toyota (Japão) - US$ 59.757

7. Coca-Cola (Estados Unidos) - US$ 57.535  

8. Mercedes-Benz (Alemanha) - US$ 56.103 

9. Disney (Estados Unidos) - US$ 50.325

10. Nike (Estados Unidos) - US$ 50.289

11. McDonald’s (Estados Unidos) - US$ 48.647    

12. Tesla (Estados Unidos) - US$ 48.002 

13. BMW (Alemanha) - US$ 46.331 

14. Louis Vuitton (França) - US$ 44.508 

15. Cisco (Estados Unidos) - US$ 41.298 

16. Instagram (Estados Unidos) - US$ 36.516

17. Facebook (Estados Unidos) - US$ 34.538  

18. IBM (Estados Unidos) - US$ 34.242

19. Intel (Estados Unidos) - US$ 32.916    

20. SAP (Alemanha) - US$ 31.497 

21. Adobe (Estados Unidos) - US$ 30.660 

22. Chanel (França) - US$ 29.259 

23. Hermès (França) - US$ 27.398 

24. J.P. Morgan (Estados Unidos) - US$ 24.335 

25. YouTube (Estados Unidos) - US$ 24.268 

26. Honda (Japão) - US$ 22.837 

27. American Express (Estados Unidos) - US$ 22.117

28. Ikea (Suécia) - US$ 21.928 

29. UPS (Estados Unidos) - US$ 21.164

30. Gucci (Itália) - US$ 20.417 

31. Accenture (Estados Unidos) - US$ 20.412

32. Pepsi (Estados Unidos) - US$ 19.622     

33. GE (Estados Unidos) - US$ 19.093

34. Allianz (Alemanha) - US$ 18.694 

35. Hyundai (Coréia do Sul) - US$ 17.314 

36. Salesforce (Estados Unidos) - US$ 17.311

37 Visa (Estados Unidos) - US$ 17.258

38. PayPal (Estados Unidos) - US$ 17.058  

39. Sony (Japão) - US$ 16.989

40. Netflix (Estados Unidos) - US$ 16.375 

41. Mastercard (Estados Unidos) - US$ 16.125

42. Adidas (Alemanha) - US$ 15.931  

43. AXA (França) - US$ 15.747 

44. Budweiser (Estados Unidos) - US$ 15.487   

45. Nescafé (Suíça) - US$ 15.061   

46. Audi (Alemanha) - US$ 14.976

47. Zara (Espanha) - US$ 14.958  

48. Volkswagen (Alemanha) - US$ 14.819 

49. Goldman Sachs (Estados Unidos) - US$ 14.526 

50. Ford (Estados Unidos) - US$ 14.431

51. Starbucks (Estados Unidos) - US$ 14.050

52 Pampers (Estados Unidos) - US$ 13.832

53. Porsche (Alemanha) - US$ 13.504

54. Airbnb (Estados Unidos) - US$ 13.416

55. Siemens (Alemanha) - US$ 13.359

56. H&M (Suécia) - US$ 12.985     

57. Citi (Estados Unidos) - US$ 12.981 

58. L’Oréal (França) - US$ 12.915 

59. Philips (Holanda) - US$ 12.801

60. Ebay (Estados Unidos) - US$ 12.767   

61. Nissan (Japão) - US$ 12.212  

62. HP (Estados Unidos) - US$ 11.884 

63. Lego (Dinamarca) - US$ 11.846 

64. Red Bull (Áustria) - US$ 11.547

65. HSBC (Reino Unido) - US$ 11.247

66. Morgan Stanley (Estados Unidos) - US$ 11.039   

67. Nestlé (Suíça) - US$ 10.921 

68. Nintendo (Japão) - US$ 10.676 

69. 3M (Estados Unidos) - US$ 10.505 

70. Spotify (Suécia) - US$ 10.324 

71. Gillette (Estados Unidos) - US$ 10.211 

72. Colgate (Estados Unidos) - US$ 10.130 

73. Danone (França) - US$ 9.528 

74. Cartier (França) - US$ 9.521 

75. Ferrari (Itália) - US$ 9.365  

76. Santander (Espanha) - US$ 9.015 

77. Dior (França) - US$ 8.919 

78. Kellogg’s (Estados Unidos) - US$ 8.747 

79. Fedex (Estados Unidos) - US$ 8.166 

80. Corona (México) - US$ 7.764 

81. LinkedIn (Estados Unidos) - US$ 7.595 

82. DHL (Estados Unidos) - US$ 7.518 

83. Caterpillar (Estados Unidos) - US$ 7.397 

84. Xiaomi (China) - US$ 7.326

85. Jack Daniel’s (Estados Unidos) - US$ 7.171 

86. Huawei (China) - US$ 6.634 

87. Kia (Coréia do Sul) - US$ 6.612 

88. Tiffany & Co. (Estados Unidos) - US$ 6.552  

89. Prada (Itália) - US$ 6.548 

90. Helwett Packard EnterpriseUS$ 6.486 

91. Panasonic (Japão) - US$ 6.337 

92. Johnson Johnson (Estados Unidos) - US$ 6.130 

93. Hennessy (França) - US$ 6.111 

94. KFC (Estados Unidos) - US$ 6.089 

95. Heineken (Holanda) - US$ 6.003 

96. Burberry (Reino Unido) - US$ 5.917 

97. Canon (Japão) - US$ 5.828  

98. Land Rover (Reino Unido) - US$ 5.593 

99. Mini (Reino Unido) - US$ 5.579 

100. Sephora (Estados Unidos) - US$ 5.491

 

O MDM também está no Instagram. www.instagram.com/mdm_branding/