27.9.10

JAEGER-LECOULTRE

Originado há mais de 175 anos os relógios JAEGER-LECOULTRE são a melhor mistura de inovação e estilo. Embora represente a liderança absoluta na história da relojoaria, a marca continua com a mesma concepção de antigamente, e fabrica seus relógios, edições limitadíssimas com estruturas complexas e mecanismos super avançados, em casa, controlando o processo desde a criação até a conclusão.
-
A história
Tudo começou em 1833, na pequena vila de Le Sentier, encravada no Vale de Joux na Suíça, quando o inventor Antoine-LeCoultre estabeleceu sua oficina relojoeira e desenvolveu suas primeiras engrenagens e mecanismos. A primeira grande inovação de Antoine ocorreu em 1844 quando ele inventou o Milionômetro, o primeiro instrumento capaz de medir o mícron (1 milionésimo de metro). Através desse instrumento ele estabeleceu o sistema métrico decimal como padrão para a indústria relojoeira. Três anos mais tarde, desenvolveu o primeiro sistema de corda através de uma coroa, eliminando a necessidade de uma chave para a operação. Somente em 1866 ele resolveu construir a primeira fábrica, reunindo todo o processo produtivo sob um mesmo teto. No ano de 1907 a empresa desenvolveu o mais fino movimento para um relógio de bolso do mundo, com 1,38 mm de espessura.
-
-
No final da década de 20, a empresa criou o Calibre 101, menor movimento de relógio mecânico do mundo, com 98 peças, medindo 14 x 4,8 x 3,4 mm e pesando em torno de um grama. A Rainha Elisabeth II utilizaria um destes modelos em sua coroação em 1953. Foi também nesta época, que a empresa criou uma de suas principais invenções: o “movimento perpétuo virtual”, aplicado no relógio de mesa Atmos em 1928. Esse movimento é um mecanismo que utiliza mudanças climáticas para dar corda no relógio. Sendo assim, a alteração de um grau na temperatura ambiente pode manter o relógio funcionando por dias. Como é praticamente impossível não haver nenhuma alteração de temperatura em um dia, o relógio permanece funcionando eternamente, dispensando corda, bateria ou corrente elétrica.
-
-
Em 1931, a partir do pedido de jogadores de pólo, a empresa desenvolveu o Reverso, com uma caixa única que se movimentava ao redor de um pivô, o que permitia que se protegesse o vidro de choques resultantes da prática do esporte. Finalmente, em 1937, nascia oficialmente a marca JAEGER-LECOULTRE, oficializando a longa parceria entre Jaeger de Paris e LeCoultre de Le Sentier, que datava de 1903. A partir deste momento, rapidamente a marca suíça se tornaria praticamente imbatível na história da medição do tempo. A década de 50 seria marcada pela invenção, em 1953, do Futurematic, calibre 497, o primeiro relógio de pulso com um movimento automático que dispensava a coroa para a sua corda; e do Memovox, o primeiro relógio de pulso automático, calibre 815, com função de alarme, criado em 1956.
-
-
Pouco depois, em 1958, a JAEGER-LECOULTRE participa do Ano Geofísico Internacional criando um modelo incrivelmente robusto: protegido contra campos magnéticos, resistente a choque e à água, bem como extremamente preciso. Utilizando o calibre 478b, o cronômetro Geophysic conquistou grande prestígio, tanto que, quando um grupo de cidadãos de Genebra decidiu homenagear os feitos dos primeiros submarinos atômicos que navegaram sob o Pólo Norte, presentearam os comandantes do Nautilus e do Skate com um Geophysic de ouro, especialmente gravado para a ocasião. Em 1962, uma nova versão do relógio foi equipada com um mecanismo automático e renomeado para cronômetro Geomatic. Foi neste mesmo ano que a empresa criou o calibre 838, o mais fino (espessura de 1,85 mm) a ser equipado com um mecanismo antichoque. Espessura: 1,85 mm. No final desta década, em 1967, a empresa participou da criação do primeiro relógio de pulso a quartzo da história, o Beta 2. No início dos anos 80, a empresa quebrou recordes de calibres a quartzo, como em 1981, quando desenvolveu o calibre 606 com data e segundos centrais, sendo o mais fino de sua categoria; no ano seguinte, com a criação do calibre 601, que conquistou o título de mais fino, com 1,9 mm de espessura e diâmetro de 11,7 mm; e finalmente em 1982, com o calibre 608, que possuía apenas 1,6 mm de espessura. Paralelamente ao desenvolvimento do quartzo, a empresa ainda cultivou a sua paixão pela mais fina relojoaria mecânica. O calibre automático de alta freqüência 889 com mostrador de data saltante é um exemplo.
-
-
A década de 90 começou com a criação do calibre 929, com 24 fusos horários, indicação dia e noite, reserva de marcha e balanço de alta freqüência. O Géographique era um sutil convite à viagem. No ano de 2003, em tributo aos 200 anos de nascimento de seu fundador, a empresa criou duas centenas de relógios exclusivos com a sua assinatura na caixa e no movimento. Digno de seu famoso inventor, o Calibre 877 apresentou uma reserva de marcha de oito dias, com um duplo tambor, e um mostrador com grande data. Recentemente a marca lançou sua primeira coleção unicamente desenvolvida e criada para o público feminino batizada de Idéale. O cuidado de somente fabricar e desenvolveu os melhores sistemas de medição de tempo por mais de 200 anos, fizeram da JAEGER-LECOULTRE uma marca inigualável, que conquistou clientes famosos como o golfista Tiger Woods e o piloto Michael Schumacher.
-
-
A linha do tempo
1936

O tradicional relógio de mesa ATMOS passa a ser produzido inteiramente pela empresa. Esse ícone da marca se tornou o presente oficial do Governo Suíço.
1991
Lançamento do relógio Reverso 60ème, iniciando assim as séries limitadas de modelos complicados. Uma caixa “Grande Taille” (tamanho grande) de ouro rosa, com um mostrador de prata maciça guilloché, abriga um calibre 824 a corda manual com substancial reserva de marcha e indicação de data. O modelo marcou o início de uma série de feitos na indústria relojoeira: recebeu um turbilhão em 1993; um repetidor de minutos em 1994; um cronógrafo retrógrado em 1996; um mecanismo de fusos horários em 199; e um calendário perpétuo no ano 2000.
1992
Baseada em uma série de padrões severos, é criada a bateria de testes que compõem o controle de procedimentos Master 1000 Horas que garantem a excepcional confiabilidade e precisão do primeiro relógio Master Control. A partir de sua criação, todos os modelos redondos da marca deveriam atender à demanda destas 1000 horas de testes que criaram um novo ponto de referência na relojoaria de qualidade.
1994
Lançamento do Reverso Duo, em que o calibre 854 indica a hora local em uma face, enquanto a outra mostra a hora de outro fuso horário.
1999
No coração da região do Sinai, no Monastério de Santa Catarina, um local profundamente cultural à frente do alcance do tempo, o Atmos du Millénaire pacientemente marca o tempo através das eras. Em seu mostrador graduado até o ano 3000, o relógio perpétuo indica os anos, meses, as fases da lua e, como uma pequena concessão ao tempo secular, as horas e os minutos.
2002
Lançamento do Master Compressor Memovox, inspirado no estilo do relógio para mergulho Memovox, de 1965; com o selo do modelo Geophysic, de 1958; e com o Calibre 918, originado a partir do calibre 815, de 1956.
Lançamento do Reverso Neva, para qual a empresa inventou uma nova técnica de “alta joalheria”: “snow setting”. Diamantes deslizam e ondulam em direção ao infinito como as ondas no famoso rio Neva, que corre através de São Petersburgo.
2009
Lançamento do revolucionário AMVOX2 DBS Transponder, resultado da colaboração técnica entre a empresa e a Aston Martin, sendo o primeiro relógio a controlar o mecanismo de trava das portas de um carro. Disponível somente para proprietários de modelos DBS, este excepcional relógio trava e destrava as portas do carro com toques no vidro de cristal de safira do mostrador. As portas são destravadas com um simples toque entre as posições 8 e 9 horas e se travam entre as posições 3 e 4 horas. O processo global de pesquisa e a inovação geométrica do modelo consumiram 18 meses de um meticuloso trabalho de engenharia. O preço? 27.500 Euros.
Lançamento do exclusivo, apenas 30 relógios desta linha foram fabricados, Master Minutes Repeater. Cada um deles custa R$ 400 mil. O motivo? Alguns deles são: um alarme avisa (com sonoridades distintas) horas, minutos e segundos; a caixa é de ouro, com rubis na parte posterior. Um único exemplar chegou a uma joalheria de Ipanema, zona sul do Rio. O relógio veio acompanhado por um grupo de executivos da marca que tinha como incumbência, além de apresentar o modelo exclusivo, divulgar outros lançamentos da grife suíça que, em média, custam R$ 40 mil.
-
-
Um relógio para poucos
Imagine pagar US$ 3 milhões por um relógio. Impensável para a maioria dos mortais que habitam este planeta. Mas para ter um Hybris Mechanicha Grande Sonnerie, um dos modelos mais caros da história, além do preço estratosférico, é preciso entrar em uma espécie de fila de espera. Mas afinal o que torna esse relógio tão caro? Para os colecionadores de relógio existem dois tipos de máquinas: as que marcam o tempo e as que marcam época. A suíça JAEGER LECOULTRE, lançou esta preciosidade em 2009 com o objetivo de entrar nesse segundo rol. O relógio demorou cerca de quatro anos para ser desenvolvido e conta com alguns dos mecanismos de complicação - termo usado para designar as funções do modelo - mais avançados que existem. Ao todo são 26 mecanismos de complicação. O modelo possui, por exemplo, o Westminster Chimes, um badalo parecido com o dos relógios de parede; e o Grande Sonnerie, que toca a cada 15 minutos e a cada hora. Quem não quiser escutar o som, entretanto, pode apertar o botão Silent Mode, que o torna silencioso. A máquina também é dotada do Minute Repeater, que informa o horário por meio de badalos e ostenta até um calendário perpétuo que reconhece até os anos bissextos. Ou seja, uma vez carregado, não é preciso arrumar as datas nunca mais. O horário também é preciso. O Hybris Mechanicha Grande Sonnerie possui ainda o Flying Tourbillon, mecanismo preso em apenas um eixo do relógio que corrige os atrasos causados pela gravidade; e o Inertia Blocking, que não deixa o relógio acelerar e nem atrasar nos momentos de inércia - detalhe que regula até um quarto de segundo.
-
-
As exclusivas boutiques
Uma marca como a JAEGER-LECOULTRE é para poucos que podem pagar muito. Por sua exclusividade, a marca suíça possui uma pequena rede de luxuosas boutiques, não mais que 28 unidades, espalhadas por cidades como Londres, Paris, Genebra, Madrid, Cannes, Hong Kong, Beverly Hills, Moscou, Shanghai, Riad, Cidade do Kuwait, Dubai, Cingapura e Beirute. A elegância e autenticidade definem a atmosfera de suas exclusivas boutiques, um espaço onde se respira a calma e serenidade do vale suíço de Joux, onde a empresa nasceu. Com uma decoração sóbria, utilizando materiais nobres, cada boutique se caracteriza por seu estilo intimista e secreto, onde o luxo se combina com a descrição. Ao entrar em uma delas, o consumidor irá “mergulhar” no universo da marca: uma busca incessante pela inovação e qualidade, um atendimento impecável e o acesso a uma gama de produtos recheada pelos melhores e mais precisos relógios que um ser humano pode produzir.
-
-
Dados corporativos
● Origem:
Suíça
● Fundação: 1833
● Fundador:
Antoine-LeCoultre
● Sede mundial:
Le Sentier, Suíça
● Proprietário da marca:
Compagnie Financière Richemont S.A.
● Capital aberto: Não (subsidiária)
● Chairman:
Johan Rupert
● CEO: Jérôme Lamber
● Faturamento: Não divulgado
● Lucro: Não divulgado
● Lojas: 28
● Presença global: 80 países
● Presença no Brasil: Sim
● Funcionários: 400
● Segmento: Relojoaria
● Principais produtos:
Relógios de luxo
● Ícones: O relógio de mesa ATMOS
● Slogan:
Horlogerie de Luxe.
● Website:
http://www.jaeger-lecoultre.com/
-
A marca no mundo
Atualmente a luxuosa e exclusiva marca, pertencente ao conglomerado de luxo Richemont, comercializa seus disputadíssimos relógios em mais de 80 países ao redor do mundo através de uma pequena rede de 28 boutiques próprias, localizadas nas principais metrópoles financeiras, e pontos de venda selecionadíssimos.
-
Você sabia?
Hoje a JAEGER-LECOULTRE possui diversas patentes, sendo uma das principais e mais consagradas marcas da relojoaria suíça.
-
-
As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers).
-
Última atualização em 27/9/2010

Nenhum comentário: