22.5.06

MILKA


MILKA é a mais tenra sensação desde que o chocolate foi inventado, como diz seu tradicional slogan. Quer seja chocolate ao leite, recheado ou até mesmo em forma de coração, ovos e coelhinhos de Páscoa, suas famosas embalagens em cores chamativas com a popular vaquinha branca e lilás, fazem sucesso no mundo inteiro. Por mais de cem anos, a marca tem sido associada na mente dos consumidores com momentos de ternura e com o sabor único e derretido do chocolate feito com leite dos Alpes Suíços. 

A história 
A história tem origem no dia 17 de novembro de 1825, na região suíça de Neuchâtel, onde Philippe Suchard fundou uma pequena fábrica, após inventar o “mélangeur”, uma máquina misturadora que moía o açúcar e o cacau em pó formando uma pasta fina. Com isso, ele transformou o chocolate em mais palatável. Durante a década de 1890, o mais puro leite dos Alpes foi adicionado ao chocolate de Suchard, e o que até então era voltado para a elite europeia devido ao alto preço, se transformou em um produto popular e acessível a todos. Perto da virada do século, seus herdeiros, Eugene Suchard e Carl Russ-Suchard, expandiram o negócio rapidamente, abrindo fábricas na Áustria, Alemanha e França. Também introduziram novas técnicas na produção do chocolate em barra, entre elas uma fórmula que misturava cacau e leite com perfeição. No dia 24 de abril de 1901 os tabletes do chocolate SUCHARD MILKA foram introduzidos oficialmente no mercado suíço, alemão e austríaco. Estava criada a primeira barra de chocolate ao leite. O nome MILKA é derivado das palavras alemãs Milch (leite) e Kakoa (cacau), ingredientes principais do recém-lançado chocolate.


O novo produto foi lançado em embalagens lilás com uma vaca, sobre um fundo que mostrava uma bela paisagem alpina. A cor lilás foi escolhida para chamar a atenção dos consumidores. E porque uma vaca? A vaca representava, melhor que qualquer outro animal, o mundo do leite alpino. E o posicionamento inicial do produto era justamente baseado no leite produzido nos Alpes Suíços: MILKA, a mais tenra sensação, por ser feito com leite dos Alpes. Em 1913 a produção dos chocolates MILKA já era dezoito vezes maior que no ano de seu lançamento no mercado. Em 1926 a marca lançou no mercado seus primeiros produtos sazonais (em edições limitadas): o mais puro e delicioso chocolate ao leite em formatos de Coelho e Papai Noel, para comemorar datas festivas como a Páscoa e o Natal.


Nas décadas seguintes a barra de chocolate MILKA ganhou novos formatos e também novos ingredientes (como amêndoas e avelãs), aumentando assim a linha de produtos da marca. Além disso, a marca começou a ser exportada para muitos outros países, fazendo enorme sucesso especialmente no continente europeu. Um exemplo disso é a Alemanha, onde a marca se tornou mais famosa que na própria Suíça. Somente em 1972, a famosa vaca simetricamente colorida com manchas lilás, com um sino pendurado no pescoço, apareceria nas embalagens do produto, tornando-se um símbolo da marca e fazendo com que o chocolate MILKA fosse facilmente reconhecido no mundo inteiro. A vaca lilás fazia parte de uma enorme campanha publicitária que continha o slogan “The tenderest temptation since chocolate was invented” (algo como “A mais tenra tentação desde a invenção do chocolate”).


Muitas vacas e montanhas apareceram antes nas embalagens do chocolate, mas nenhuma fez tanto sucesso como a vaca branca e lilás, batizada de LILA. Atingiu um alto grau de reconhecimento, que na Alemanha, as crianças na escola quando tinham que desenhar temas rurais ou montanhosos utilizavam a imagem da vaca nas cores branca e lilás. A tradicional vaca lilás de MILKA ficou tão famosa que apareceu em mais de 110 comerciais de televisão, além de muitos anúncios impressos. Em 1974 a marca foi lançada no mercado espanhol. Pouco depois, em 1977, com a enorme popularidade de MILKA, a marca introduziu novos formatos e tamanhos de seu tradicional chocolate em barra: ao tradicional tablete de 100g juntaram-se os de 200g e 300g. Nos anos seguintes novos produtos sob a marca MILKA foram lançados no mercado, como por exemplo, chocolates em formato de coração (1987), ovos de páscoa, sorvetes e até bolachas, mas sempre primando pela qualidade e sabor do chocolate que foram responsáveis por tornar a marca um ícone mundial em seu segmento.


Em 1990, a americana Kraft Foods (atual Mondelēz International) comprou por US$ 4.2 bilhões a Jacobs Suchard AG, então proprietária de marcas famosas como MILKA e Toblerone. Somente em maio de 1997, após um teste de mercado realizado em julho de 1995 na cidade de Curitiba (a marca já havia sido lançada anteriormente como sorvete pela Kibon), o chocolate MILKA foi introduzido oficialmente no Brasil. Todas as versões eram produzidas no Brasil (fato que durou pouco), de acordo com a receita original para manter sabor e textura característicos da marca.


Nos anos seguintes a marca introduziu novos produtos no mercado como chocolates recheados, chocolate branco, cookies com gotas de chocolate, deliciosas e crocantes waffles cobertas com chocolate (MILKA LEO), chocolate cremoso com pedacinhos de caramelo (MILKA DAIM), além de chocolates com laranja, amêndoas e até iogurte. Outras grandes novidades da marca foram: MILKA MOUSSE (um mousse de chocolate coberto com o mais tenro chocolate ao leite), lançado em 2009; MILKA TASSIMO (cápsulas de chocolate quente para serem utilizadas nas máquinas automáticas da marca Tassimo); MILKA BUBBLY (tabletes de chocolate ao leite super aerado); MILKA SNAX (uma linha de snack como pipocas, flocos de milho com uva-passa, avelãs e até pequenos pretzels cobertos de chocolate ao leite), introduzida em 2011; e MILKA CHOCO JELLY (barra de chocolate ao leite com pequenos pedaços de balas de goma e caramelos), lançado em 2014.


Somente no ano de 2016 os produtos da marca foram lançados no mercado chinês, onde no ano seguinte apresentou um produto revolucionário e delicioso: MILKA MAGIC CUP, um snack à base de chocolate (cremoso) com recheio crocante de bolachas Oreo, cuja embalagem exclusiva incluía um brinquedo colecionável. Também lançou globalmente o MILKA OREO SANDWICH, barra de chocolate ao leite com biscoitos Oreo inteiros recheado de creme de leite e baunilha. Mais recentemente, no final de 2018, a marca aproveitou a reformulação de sua identidade visual para agrupar sob o nome MILKA MMMax todas os tabletes de formato grande, dando mais visibilidade aos ingredientes das diferentes variedades. Além disso, apresentou dois novos produtos: Milka Oreo Brownie (tablete que mistura a cremosidade do tradicional chocolate, o toque crocante de pequenos pedaços de biscoitos Oreo e o sabor diferenciado do Brownie) e Milka Peanut Crispy Caramel (tablete de chocolate com caramelo e amendoim). Por mais de um século o chocolate MILKA conquistou o mundo por derreter na boca de forma tão suave, sendo capaz de fisgar o coração (ou melhor, o paladar) de centenas de milhares de crianças e adultos por gerações.


Ações nas cores branca e lilás 
A marca sempre investiu muito em publicidade e ações de marketing para divulgar MILKA e consequentemente seus inúmeros produtos ao redor do mundo. Caminhões gigantes, pintados nas tradicionais cores branca e lilás, com a popular vaca (símbolo da marca), circulam por todo o continente europeu fazendo inúmeras promoções e divulgando a marca. Desde 1995 a MILKA patrocina eventos e campeonatos de esqui na neve, além de grandes atletas do esporte. A marca patrocina também a famosa Cowparade, realizada em várias cidades do mundo.


Uma das mais famosas e ousadas ações, iniciada em 2007, e que percorreu mais de 70 cidades do continente europeu, foi batizada de MILKA TOUR ALPINE. A itinerante estratégia de marketing da marca consistia em montar pequenos parques temáticos que recriavam o agradável e bucólico ambiente dos Alpes Suíços, proporcionando aos consumidores atividades de contato com a natureza, diversão através da realização de esportes radicais, praticados nas montanhas, e muito chocolate MILKA para ser degustado. Além é claro da venda de produtos com a marca, como bolsas, mochilas e camisetas, e sua famosa vaquinha em pelúcia. Tudo devidamente ornamentado nas cores branca e lilás, tendo como principal estrela a vaca, marca registrada da MILKA.


Em 2013, na França, como parte da campanha “Dare to Be Tender” (algo como “atreva-se a ser afetuoso”), a marca lançou uma ação criativa e instigante. Partindo do conceito que a melhor parte do chocolate é justamente o último pedaço, a marca lançou no mercado francês embalagens de barras de chocolate que vinham sem um quadradinho (tudo devidamente explicado no rótulo). A parte interna da embalagem continha um código que devia ser informado no site da marca, onde o consumidor podia escolher se queria que o quadrado perdido fosse enviado para a sua casa ou para alguém especial. No caso de optar enviar para alguém, o site permitia que a oferta fosse acompanhada de uma mensagem tenra e pessoal para o destinatário. No total, 10 milhões de chocolates com um pedaço a menos foram produzidos para o mercado francês.


Uma vaca sem igual 
Apesar de ser adotada oficialmente a partir de 1972 (criada pela agência de publicidade Young & Rubicam), a tradicional vaca MILKA, conhecida carinhosamente como LILA, com sua inconfundível pelagem lilás com manchas brancas e com um sino pendurado no pescoço, que estreou sua primeira campanha na televisão em 1973, só foi padronizada na década de 1990. Foi quando a marca passou a utilizar a imagem de uma mesma vaca, com a cabeça levemente inclinada para esquerda e uma pelagem lilás com manchas brancas do mesmo tamanho.


Após apresentar um novo design de sua mascote em 2001, mais recentemente, no ano de 2018, a tradicional vaca branca e lilás ganhou um novo design, como mostra a imagem abaixo.


As tradicionais embalagens 
A tradicional embalagem do chocolate ao leite em barra passou por inúmeras mudanças ao longo dos anos. Apesar de apresentar a cor lilás desde o início (embora mais clara), o nome da marca vinha escrito em preto. Em 1922, com a introdução de uma nova embalagem, MILKA passou a ser escrito em dourado e maior. Foi somente em 1926 que o nome MILKA passou a ser escrito na cor branca. Em 1988 as embalagens ganharam um novo design, mais chamativo e moderno, já com a presença da famosa vaca branca e lilás. Depois de passar por uma remodelação em 2001, a marca apresentou novas embalagens em 2007, mais limpas e sóbrias.


Em 2018, conjuntamente com sua nova identidade visual, a marca lançou também novas embalagens. Com uma textura fosca e quase aveludada, o novo visual reflete a qualidade superior do produto e o foco em ingredientes naturais. Além disso, a icônica vaca lilás em direção às montanhas em uma paisagem simplificada foi virada para o lado direito. E tem mais: o nome da marca desapareceu do corpo da tradicional vaca.


A evolução visual 
A identidade visual da marca MILKA passou por algumas remodelações ao longo dos anos. A mais recente ocorreu em 2018 quando a marca apresentou um logotipo com uma nova tipografia de letra. Mas o principal destaque ficou pelo pingo da letra “i”, que ganhou um formato de gota de leite.


Os slogans 
Tenderness is inside. (2016) 
Dare to be tender. (2011) 
Milka. One piece and you’re there. (2009) 
The cow is away. (1980) 
Their alpine milk chocolate. (1975) 
The tenderest temptation since chocolate was invented. (1972) 
World-famous, because it is so good. (1963)


Dados corporativos 
● Origem: Suíça 
● Lançamento: 24 de abril de 1901 
● Criador: Eugene Suchard e Carl Russ-Suchard 
● Sede mundial: Deerfield, Illinois, Estados Unidos 
● Proprietário da marca: Mondeléz International Inc. 
● Capital aberto: Não 
● CEO: Dirk Van de Put 
● Faturamento: US$ 1.6 bilhões (estimado) 
● Lucro: Não divulgado 
● Presença global: 60 países 
● Presença no Brasil: Sim 
● Segmento: Confeitos 
● Principais produtos: Chocolates, snacks e biscoitos 
● Concorrentes diretos: Hershey’s, Dove, Cadbury (Dairy Milk), Kinder, Lindt, Kit Kat e Nestlé (Classic)  
● Ícones: A vaca branca e lilás 
● Slogan: Tenderness is inside. 
● Website: www.milka.com 

A marca no mundo 
Os produtos com a marca MILKA, um dos líderes mundiais em vendas de chocolate ao leite em barras, podem ser encontrados em mais de 60 países. 150 mil produtos MILKA são vendidos a cada hora no mundo. Atualmente o chocolate, encontrado em tabletes, barras e em uma variedade de formas especiais, é produzido em várias localidades como Lörrach (Alemanha), Bludenz (Áustria), Svoge (Bulgária), Bratislava (Eslováquia), Brasov (Romênia), Jankowice (Polônia), entre outros. Anualmente a MILKA vende mais de 430 milhões de barras de chocolate, aproximadamente 35 milhões de ovos, coelhos e Papai Noel de chocolate, além de uma grande infinidade de outros produtos, como sorvetes, snacks, pó para chocolate quente e biscoitos. Os maiores mercados para a marca incluem Alemanha, França, Áustria, Polônia, Rússia, Bélgica, Espanha, Itália, Holanda e, claro, Suíça. Na Argentina MILKA é tão popular, que até mesmo alfajores da marca são produzidos e vendidos no mercado. 

Você sabia? 
Em 1964 a cor lilás foi registrada oficialmente como marca pela MILKA. 
Em 1994, a vaca MILKA ganhou novos companheiros. Isto porque em um famoso comercial de TV, a simpática mascote da marca contracenava com um esquilo e uma marmota. 
O chocolate MILKA é o mais vendido dentro do parque temático Disney Epcot. Além disso, é uma das marcas mais procuradas em lojas de Duty Free em aeroportos mundiais. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, BusinessWeek, Exame e Isto é Dinheiro), sites especializados em Marketing e Branding (Mundo do Marketing e Interbrand) e Wikipedia (informações devidamente checadas). 

Última atualização em 20/8/2019

7 comentários:

Amor disse...

Sou fã do chocolate milka, mas infelizment só tenho oportunidade de degusta-lo quando vou ao Sul, mais precisamente em Curitiba. Gostaria de saber o por que de na Bahia(Salvador) não ter representante e não achar em lugar algum. Se possivel gostaria de um email me explicando se possivel.
Gostaria ainda de saber a possibilidade de ser representante do mesmo.
Meu nome: Helena Amelia Mesquita
End: Rua José Duarte, 64 - Tororó
Salvador Bahia
CEP: 40.050-050
Cel: 71 8198 3015
email: ameliamesquita@hotmail.com

Desde já agradeço atenção.

Helena(FÃ DOS CHOCOLATES MILKA)

Milka Martins disse...

Só agora descobri o significado do meu nome! \o/
'O nome MILKA é derivado das palavras alemãs Milch (leite) e Kakoa (cacau)'

eu amO³ chocolate Milka!

Beijos

;*

Fabio Luiz disse...

Eu sou fã do Milka, mas daquelas barras grandes que a gente encontra nos Free Shops, com cookies, com Toffe, gostaria que essas barras fossem vendidas no Brasil também, eu consumiria muito mais.

Mario Bourges disse...

Confesso a vocês que já gostei dos chocolates Milka, quando a Kraft tinha recém assumida a fabricação desta marca no Brasil. O chocolate era muito mais gostoso, além de textura diferenciada, coisa que deixou de ter, o sabor caiu no comum. Mas o preço continua alto.

Lukass disse...

Sou apaixonado pelos chocolates Milka, são de sabor inigualável com uma textura única. Infelizmente não é fácil achar nos supermercados, em São Paulo capital existem muitas "lojinhas" de esquina que vendem especialmente na região da liberdade. Mas onde eu vi lojas oficiais da Milka foi em Buenos Aires lá tem Milka é muuuuito famosa! Podia ser assim no Brasil tbm. No free Shop tbm vende.

Milka Moura disse...

Descobri a origem do meu nome. Sabia que era do chocolate é claro, aliás degustei demais na minha infância, inclusive o sorvete da Kibon, que não vende mais, mas muitas pessoas me pergunta a origem (região/país) aí está é suiço, eu apostava em polononês. Infelizmente não se acha mais o chocolate tão fácil assim, moro em Curitiba, e por aqui tbm é difícil de se achar, e quando acha o valor é bem salgadinho!

Unknown disse...

Foi o chocolate da minha infância, mas já tem mtos anos que o chocolates milka não chegam até a minha cidade e qndo encontro em outras cidades o preço eh abusivo 😐