14.6.06

QANTAS AIRWAYS

A QANTAS AIRWAYS, um dos maiores símbolos e orgulho do povo australiano, é uma das mais respeitadas companhias aéreas do mundo, conectando a Oceania ao resto mundo com vôos diários, desde as grandes cidades até a mais remota aldeia no outback, e um serviço impecável através de seus aviões, reconhecidos por um simpático canguru pintado na cauda. Isto lhe rendeu o simpático apelido de “The Flying Kangaroo”.

A história
A maior empresa aérea australiana foi fundada no dia 16 de novembro de 1920 na cidade de Winton, interior de Queensland, pelos senhores Paul McGuiness, Hudson Fysh, Fergus McMaster e Arthur Baird, pilotos do Army Flying Corps, recebendo o nome de Queensland And Northern Territory Aerial Services, ou abreviadamente QANTAS. Durante os dois primeiros anos de operação a pequena companhia aérea dedicou-se a vôos panorâmicos turísticos e serviços ocasionais de taxi-aéreo utilizando um avião biplano Avro 504K e um B.E. 2E. Somente em novembro de 1922, a QANTAS iniciou vôos regulares entre as cidades de Charleville e Cloncurry, passando por Longreach, com um avião Armstrong Whithworth F.K. 8. Em 1928 foi a QANTAS que iniciou um serviço aéreo de transportes de médicos para regiões mais longínquas e isoladas do país. Nos anos seguintes, uma densa malha foi estabelecida na província de Queensland.


Em 1934 a QANTAS começou a dar os primeiros passos no mercado da aviação internacional, iniciando as ligações com a Europa, através da Inglaterra, graças à associação com a Imperial Airways (antecessora da British Airways), dando origem a Qantas Empire Airways Ltd., que operaria o segmento Brisbane-Cingapura da chamada “Rota do Canguru”, que ligava Londres a Sydney. Ainda nesse ano, e de novo em parceria com a Imperial Airways, a QANTAS iniciou o transporte de correio. No final desta década, começou a utilizar hidroaviões nos trajetos para Londres, serviço que foi interrompido devido à Segunda Guerra Mundial. Durante o conflito, a QANTAS passou a fazer vôos entre a Austrália e a África do Sul, assim como assegurou o transporte de tropas australianas. No ano de 1944 a empresa adotou oficialmente o “Canguru” como símbolo. E a razão era óbvia: o animal é o principal símbolo da rica natureza australiana e um orgulho para os nativos.


Após a Segunda Guerra Mundial, a empresa encomendou seus primeiros Lockheed Constellation e, em 1947, a parte da Empire Airways foi comprada pelo governo australiano, tornando-se seu único proprietário e elevando seu status ao de empresa aérea de bandeira. Em primeiro de dezembro desse mesmo ano decolaria seu primeiro vôo na Rota do Canguru. Ainda naquela época, se tornou sócia da neozelandesa TEAL (Tasman Empire Airways Ltd.) com o propósito de desenvolver o tráfego aéreo entre os dois países. Novos destinos foram rapidamente adicionados à malha internacional, especialmente para a África do Sul e Ilhas Mauritius, além de inaugurar rotas para importantes cidades, como por exemplo, em 1954 qunado começou a voar para São Francisco e Vancouver.


Em 1958 a rota para São Francisco passou a atingir Nova York e Londres, fazendo com que a QANTAS fosse a primeira empresa a oferecer um vôo regular ao redor do globo. Já em 1959, entraria na era do jato, com o recebimento dos primeiros modelos Boeing 707-138 de fuselagem encurtada e ultralongo alcance (para a época), aeronave exclusiva para a empresa. No mesmo ano, foram introduzidos os primeiros Lockheed Electra, usados inicialmente nas rotas para a Nova Zelândia. Em 1967 o nome da empresa foi alterado oficialmente para QANTAS AIRWAYS LIMITED. No início dos anos 70 a companhia aérea passou a utilizar ostensivamente aviões Boeing 747, com capacidade para 350 passageiros, os primeiros a ter desenhado um canguru na cauda. A partir de então estes aviões passaram a constituir a base da frota da QANTAS, vocacionada para voôs com destinos longínquos dada a sua localização geográfica.


Em 1977 inaugurou o primeiro vôo charter para a Antártida. No final da década, em 1979, a QANTAS foi a responsável pela introdução da primeira Classe Executiva (Business Class) do mundo, especialmente direcionada para os viajantes a negócios. No início da década de 90, comprou a concorrente doméstica Australian Airlines, consolidando sua posição de liderança no mercado interno australiano pela primeira vez, tendo como única rival a Ansett Australia, que desapareceria do mapa devido à graves problemas financeiros no início da próxima década. Em 1993, 25% da empresa foi adquirido pela companhia aérea britânica British Airways. Pouco depois, no final de 1995, foi totalmente privatizada, com a abertura de seu capital na Bolsa de Valores de Sydney. Devido à sua ligação com a British Airways, foi também uma das fundadoras da aliança Oneworld em 1999. Nos anos seguintes a QANTAS modernizou sua frota, ampliou suas rotas, investiu em companhias regionais, incrementou seus serviços com novos sistemas de check-in, poltronas extremamente confortáveis e inauguração de modernos lounges, e foi eleita, em 2011, a oitava melhor companhia aérea do mundo.


A frota
A QANTAS AIRWAYS possui atualmente uma frota formada por 143 aviões (incluindo Boeing 747, Boeing 373, Boeing 767, Airbus A330 e Airbus A380) com média de idade de aproximadamente 8.6 anos. Incluindo suas subsidiárias, como a Jetstar Airways (companhia de baixa tarifa lançada em 2003) e a QantasLink (companhia regional criada em 2002 para unir todas as suas subsidiárias sob uma mesma marca), sua frota ultrapassa as 280 aeronaves. Reconhecidos no mundo inteiro por sua tradicional pintura vermelha e branca com um canguru na cauda, os aviões da companhia aérea australiana começaram em 1926 a receber nomes próprios inspirados em Deuses Gregos, estrelas, pássaros australianos e pessoas que ajudaram a construir a aviação no país. A partir de 1959 os aviões começaram a serem batizados com nomes de cidades australianas.


A companhia aérea possui duas aeronaves pintadas com temas Aborígenes: Wunala Dreaming (Boeing 747-400ER) e Yananyi Dreaming (Boeing 737-800). Ambas as aeronaves carregam pinturas especiais coloridas criadas por aborígenes australianos. A QANTAS encomendou 20 aviões Airbus A380, que serão utilizados na rota trans-pacífico entre Melbourne e Sydney até Los Angeles e Londres. O primeiro desses aviões, batizado de Nancy-Bird Walton, foi recebido no dia 19 de setembro de 2008, e pouco depois iniciou a rota entre Melbourne e Los Angeles. Atualmente a empresa possui 12 desses gigantes em operação na sua frota.


A evolução visual
A companhia aérea é reconhecida no mundo inteiro pelo tradicional canguru, que foi incorporado ao logotipo da empresa pela primeira vez em 1944. A primeira modificação ocorreu em 1947, quando o canguru ganhou asas. Em 1968 o tradicional logotipo, que continuou adotando a cor vermelha, foi modernizado.


Somente em 1984 o logotipo ganhou a forma triangular com o canguru ao centro. A última modificação ocorreu em 2007 quando a tipologia da letra foi mudada.


A pintura de seus aviões também evoluiu com o passar do tempo, mas sempre manteve como destaque a cor vermelha (na cauda) e o tradicional canguru.


Dados corporativos

● Origem:
Austrália
● Fundação:
16 de novembro de 1920
● Fundador:
Paul McGuiness, Hudson Fysh, Fergus McMaster e Arthur Baird
● Sede mundial: Sydney, Austrália
● Proprietário da marca: Qantas Airways Limited
● Capital aberto: Sim (1995)
● Chairman:
Leigh Clifford
● CEO: Alan Joyce
● Faturamento: US$ 15.7 bilhões (2011)
● Lucro: US$ 264.9 milhões (2011)
● Valor de mercado: US$ 4 bilhões (fevereiro/2012)
● Frota:
143 aeronaves
● Destinos:
87
● Hubs principais:
Aeroporto de Sydney e aeroporto de Melbourne
● Programa de milhagem:
Qantas Frequent Flyer
● Passageiros transportados: 27.907.000 (2011)
● Presença global:
38 países
● Presença no Brasil: Sim
● Funcionários: 32.700
● Segmento: Aviação
● Principais produtos:
Aviação comercial e cargueira
● Concorrentes diretos:
Air New Zealand e Virgin Australia
● Subsidiárias:
Jetstar e QantasLinks
● Ícones:
O canguru
● Slogan:
The Spirit of Australia.
● Website: www.qantas.com.au

A marca no mundo
Hoje a QANTAS, segunda mais antiga companhia aérea do mundo em operação, possui uma extensa rede doméstica e internacional, voando para mais de 87 destinos em 38 países como Nova Zelândia, Estados Unidos, Japão, Inglaterra, China, França, Canadá, Alemanha, Zimbabwe, entre outros, além de ser a principal transportadora doméstica australiana com 65% de participação de mercado. Sua frota de 143 aeronaves realiza aproximadamente 970 vôos diários, transportando mais de 27.9 milhões de passageiros em 2011.

Você sabia?
O programa de milhagem da companhia aérea, chamado Qantas Frequent Flyer, foi introduzido em 1987 e atualmente possui aproximadamente 7.9 milhões de membros.
Quando o ciclone Tracy devastou a cidade de Darwin no natal de 1974, a QANTAS estabeleceu um novo recorde de pessoas embarcadas em um mesmo avião: 673.
O ator John Travolta, conhecido pela sua enorme paixão pela aviação, é o embaixador da QANTAS no mundo. Outros embaixadores da empresa pelo mundo são o golfista Greg Norman, a modelo Miranda Kerr, o piloto Mark Webber e a atleta Cathy Freeman.


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers).

Última atualização em 9/2/2012

Nenhum comentário: