10.8.10

TIROLEZ


Eles reinam deliciosos na mesa do café da manhã de milhares de famílias brasileiras. Também na culinária são vistos aveludando sabores e tornando pratos ainda mais gostosos. Além disso, marcam presença constante em reuniões de amigos e encontros, onde juntamente com vinhos se tornam as estrelas de momentos deliciosos. Esta é a rotina dos queijos e laticínios da marca TIROLEZ, uma especialista na fabricação de produtos de alta qualidade. 

A história 
Tudo começou exatamente no dia 1º de maio de 1980 quando dois irmãos engenheiros de origem suíça, Cícero e Carlos Alencar Hegg, resolveram investir na produção de queijo prato e compraram uma pequena fábrica na cidade de Tiros, localizada na região do Alto do Paranaíba no estado de Minas Gerais. A preocupação com a qualidade já podia ser notada desde o início, afinal os irmãos diziam que somente produziriam queijos que pudessem levar à mesa de suas próprias famílias. Na época, apenas cinco pessoas trabalhavam na produção dos produtos. No início, a TIROLEZ, cujo nome refletia a origem de seus fundadores, fabricava apenas queijo prato, iniciando a seguir a produção de mussarela e o provolone, queijos de grande consumo naquela época. O negócio deu tão certo, que os irmãos resolveram iniciar em 1988 a produção do Minas Frescal, um queijo de massa crua que exigia maiores cuidados no processo e na obtenção da matéria prima (o leite).


Neste período a empresa estava focada, sobretudo na qualidade dos produtos, o que culminou com a contratação (fato raro nas indústrias na época) de seu primeiro técnico laticinista formado pelo I.L.C.T. (Instituto de Laticínios Candido Tostes) de Juiz de Fora. No final desta década, a TIROLEZ, já entusiasmada pelo crescimento em suas vendas em várias regiões do Brasil, contratou uma agência de publicidade com a finalidade de trabalhar a imagem da marca e de sua tradicional mascote (um simpático Tirolez). O domínio na fabricação de queijos como mussarela, prato e provolone levou a empresa a apostar em receitas mais ousadas e em produtos muito mais sofisticados. Ao mesmo tempo, iniciou investimentos em recursos humanos, levando para suas fábricas experientes técnicos laticinistas que desenvolveram nos anos seguintes uma extensa linha de queijos especiais e artesanais de origem europeia, como por exemplo, Estepe, Gouda, Esférico, Reino, Edam, Gruyère, Brie, Camembert, Gorgonzola e Parmesão, que tiveram grande aceitação e conquistaram a preferência dos exigentes consumidores brasileiros por sua alta qualidade.


As exigências da vida moderna, em que a preocupação com a saúde e a estética eram fatores importantes e determinantes, inspiraram a TIROLEZ a lançar no mercado uma extensa linha de produtos light. Nesta linha a redução do teor de gordura não provocou, em nenhum dos produtos, a perda ou redução de seu sabor característico, residindo nesse fato a qualidade dos produtos da marca. A TIROLEZ foi pioneira no lançamento do Queijo Prato Light e do creme de ricota no país, este último introduzido em 2008 e que hoje é um dos produtos mais procurados pelos consumidores da marca. Além disso, a marca iniciou sua consolidação internacional também pela participação em eventos e feiras importantes do setor. E o resultado foi o início das exportações de queijos para importantes países.


Nos últimos anos a empresa lançou no mercado grandes novidades, como por exemplo, a “vacuum skin packing”, um tipo especial de embalagem que consiste numa base plástica de alta barreira e de uma “pele” plástica sobreposta à vácuo que respeita os contornos e olhaduras (buracos) do queijo; além dos queijos tipo Bleu de Bresse (de origem francesa cuja formulação e processo de fabricação combinam dois tipos diferentes de fungos na massa e em sua casca), Emental e Grana (de origem italiana). Mais recentemente lançou novos produtos, como por exemplo, o queijo coalho no espeto (2009), o fondue de queijo, o creme de leite, a manteiga (2011) em potes de 200 e 500g nas versões com e sem sal, além do tradicional Parmesão ralado e o Minas Meia Cura, ambos introduzidos em sua linha no ano de 2014. Com isso, a TIROLEZ ingressou em novos segmentos de mercado.


A preocupação com sua principal matéria-prima (o leite) é tamanha que diariamente veterinários e técnicos da empresa visitam os fornecedores, cujas vacas se alimentam de pastagem natural, aspecto de grande importância para a produção de queijos de massa aberta, garantindo assim uma qualidade rigorosamente controlada, ou seja, coletando o leite nas fazendas por caminhões-tanques refrigerados. Antes de seu encaminhamento para a produção o leite é analisado pelo laboratório da fábrica quanto aos seus aspectos físico-químicos e microbiológicos, pois somente bom leite faz bons queijos. E a alta qualidade de seus produtos decorre dentre outras causas, do leite que utiliza em sua produção, rico em fermento propiônico natural que lhe possibilita oferecer queijos dotados de olhaduras (buraquinhos distribuídos pela massa do queijo) que provocam sabores picantes, aromáticos e ligeiramente adocicados.


Apaixonados por queijo 
Em 2013, a TIROLEZ completou 33 anos de existência. Com muito trabalho e seriedade ao longo de todos esses anos, a marca conquistou seu espaço no mercado e no coração dos consumidores. Para comemorar este momento, aproximar a marca e desenvolver relações mais sentimentais com seus consumidores, a marca apresentou um novo conceito: “Apaixonados por Queijo”, decorrente de uma campanha desenvolvida para mídias sociais, que em apenas 50 dias conquistou mais de 150 mil fãs. Na verdade o conceito era um manifesto que utilizava o mote Somos Todos Apaixonados por Queijo, demonstrando que o queijo está presente em todos os bons momentos da vida.


A evolução visual 
A identidade visual da marca passou por uma única grande reformulação em sua história. Aconteceu há alguns anos atrás, quando a marca modernizou sua identidade visual e sua tradicional mascote, que ganharam ares de modernidade e traços mais alegres. Antes presente de corpo inteiro, a simpática mascote que segura uma tábua de queijo, agora aparece somente do dorso para cima na parte superior do logotipo. Além disso, uma nova tipografia de letra foi adotada.


Os slogans 
Somos Todos Apaixonados por Queijo. (2013) 
A sua marca de queijo. 
Sempre presente.


Dados corporativos 
● Origem: Brasil 
● Fundação: 1 de maio de 1980 
● Fundador: Cícero e Carlos Hegg 
● Sede mundial: Caxingui, São Paulo, Brasil 
● Proprietário da marca: Laticínios Tirolez Ltda. 
● Capital aberto: Não 
● Diretor executivo: Cícero de Alencar Hegg 
● Faturamento: Não divulgado 
● Lucro: Não divulgado 
● Fábricas: 5 
● Presença global: 20 países 
● Presença no Brasil: Sim 
● Funcionários: 1.000 
● Segmento: Laticínios 
● Principais produtos: Queijos, ricotas, manteiga e requeijão 
● Concorrentes diretos: Polenghi, Scala, Quatá, Balkis, Catupiry, Danubio, Serrabela e Sadia 
● Mascote: O tirolez 
● Slogan: Somos Todos Apaixonados por Queijo. 
● Website: www.tirolez.com 

A marca no mundo 
Hoje em dia a TIROLEZ, que figura como uma das principais empresas de laticínios do Brasil, oferece 81 itens em sua linha de produto, que estão divididos em cinco categorias como frescos (Minas Frescal, Cottage, Creme de Ricota, etc.), defumados (Provolones em oito apresentações), especiais (Emental, Gruyère, Parmesão, Gouda, etc.), fatiados (Prato, Mussarela e suas versões) e light (Creme de Ricota, Cottage, Minas Frescal, Mussarela, etc.), comercializados em boa parte do território nacional através de 3.000 pontos de venda. A empresa também exporta seus produtos para países da África, Oriente Médio, América do Sul e Ásia. A empresa possui cinco fábricas: três em Minas Gerais (Tiros, Carmo do Parnaíba e Arapuá), uma em São Paulo (Monte Aprazível) e outra em Santa Catarina (Caxambu do Sul). A empresa recebe e processa diariamente 450.000 litros de leite, oriundos de bacias leiteiras que reúnem em seu total mais de 1.500 produtores, permitindo assim a produção de 50 toneladas de queijos por dia. 

Você sabia? 
Apesar da grande variedade de laticínios produzidos pela marca, ainda hoje o queijo prato e a mussarela são os produtos mais vendidos da TIROLEZ. 
O nome, Tirolez, deriva de Tirol, região histórica da parte ocidental da Europa Central, entre a Áustria e a Itália, famosa por seus queijos. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Isto é Dinheiro, Exame, Época Negócios e EmbalagemMarca), jornais (Meio Mensagem), sites especializados em Marketing e Branding (Mundo do Marketing) e Wikipedia (informações devidamente checadas). 

Última atualização em 2/10/2014

Um comentário:

Anônimo disse...

Esta empresa é maravilhosa e seus produtos são diferenciados , pois a materia prima principal é o amor com que seus colaboradores usam ao produzirem essas delicias .
Parabéns a todos .