24.8.06

FRUIT OF THE LOOM

Uma pequena etiqueta contendo frutas coloridas afixada em roupas íntimas, camisetas, moletons e calças é a mais incondicional garantia de produtos de alta qualidade e conforto. Afinal, há mais de 150 anos a FRUIT FO THE LOOM fabrica e comercializa roupas básicas que conquistaram a confiança de milhões de consumidores de várias gerações.
-
A história
Tudo começou em 1851, quando os irmãos Robert e Benjamin Knight começaram a fabricar tecidos depois de comprar um moinho na cidade de Warwick, em Rhode Island. Rapidamente, eles procuraram o amigo Rufus Skeel, proprietário de uma pequena loja de roupas em Providence, para oferecer roupas manufaturadas. Era o tímido início de uma empresa de confecções que se tornaria um gigante nos anos seguintes. A filha deste comerciante, que era artista plástica, resolveu pintar variedades de maçãs da região nas etiquetas das roupas dos irmãos Knight, como forma de identificá-las. Rapidamente as roupas com as maçãs se tornaram extremamente populares entre os consumidores.
-
-
No ano de 1856, os irmãos, aproveitando a grande popularidade das maçãs nas etiquetas de suas roupas, criaram e adotaram o nome FRUIT OF THE LOOM (em inglês, literalmente “frutos do tear”), sendo registrado oficialmente em 1871 pela empresa B.B. & R. Knight. O arranjo de frutas - uma maça, uma pêra e um cacho de uvas - foi adotado pela marca como símbolo em 1875, aparecendo nos rótulos e etiquetas dos produtos. O logotipo atual da empresa foi criado em 1893 para a exposição World’s Columbian, na cidade de Chicago. A empresa cresceu bastante, e no ano de 1938, a Union Underware Company, fundada em 1926 na cidade de Indianápolis por Jacob Goldfarb, fechou um enorme contrato de exclusividade para produzir roupas íntimas para meninos e homens, sob a marca FRUIT OF THE LOOM, durante os próximos 25 anos. Esse acordo deu a FRUIT OF THE LOOM uma enorme visibilidade nacional.
-
-
Em 1976 a marca foi comprada pela empresa fabricante de roupas íntimas B.V.D. (Bradley, Voorhees, and Day). Quase no final desta década, em 1978, a empresa lançou a Underoos, uma linha de roupas íntimas decoradas infantilmente para meninos e meninas, que rapidamente se tornou um grande sucesso no mercado americano. No início da década de 80, a empresa deglagrou uma verdadeira guerra publicitária contra a rival Hanes, utilizando slogans provocativos como “Sorry, Hanes, you lose!” (Desculpe, Hanes, você perdeu!). A batalha acabou indo parar nos tribunais, onde as duas empresas entraram em acordo para cessar as ofensivas campanhas. Em 1983 a marca ingressou no mercado de roupas íntimas femininas. Dois anos mais tarde a empresa trocou de mãos novamente ao ser comprada pela Farley Inc. Sob o comando de William F. Farley, a FRUIT OF THE LOOM cresceu rapidamente, passando de um faturamento de US$ 500 milhões para US$ 2.5 bilhões em quinze anos.
-
-
No ano de 1987 a marca lançou uma linha de activewear que incluía meias e camisetas, além de ingressar no segmento de roupas esportivas. Na década de 90 a empresa se estabeleceu como líder no segmento de roupas íntimas para crianças e adolescentes na América do Norte. A FRUIT OF THE LOOM fez inúmeras aquisições durante esta década, diversificando sua linha de produtos, atuando também no segmento de roupas esportivas, além de inaugurar vários fábricas fora dos Estados Unidos, especialmente no México e na América Central. Porém, este rápido crescimento econômico deixou a empresa em uma péssima situação financeira, e, em 1999, a FRUIT OF THE LOOM pediu concordata. Depois de um difícil período de reestruturação, a empresa foi adquirida por aproximadamente US$ 835 milhões no início de 2002 pela Berkshire Hathaway Corporation, empresa de investimento do lendário Warren Buffett.
-
-
Campanhas que fizeram história
Em 1975, anúncios comerciais utilizaram os personagens “Fruit of the Loom Guys” para demonstrar o conforto e qualidade das roupas da FRUIT OF THE LOOM. Nesses comerciais, quatro homens caracterizados de cacho de uvas (verde e rosada), maça e uma folha de outono, tradicionais símbolos da marca apareceram pela primeira vez, e na década seguinte seriam responsáveis pelos 98% de reconhecimento da FRUIT OF THE LOOM entre os americanos.
-
-
A evolução visual
Ao longo de sua tradicional história o logotipo da FRUIT OF THE LOOM passou por algumas modernizações, mas sempre manteve os símbolos de reconhecimento da marca: maçã, cachos de uvas e folha de outono.
-
-
Os slogans
It's your time. (1991)
We fit America like we never did before. (1988)
-
Dados corporativos
● Origem: Estados Unidos
● Fundação:
1851
● Fundador: Robert e Benjamin Knight
● Sede mundial:
Bowling Green, Kentucky
● Proprietário da marca: Berkshire Hathaway Inc.
● Capital aberto: Não (subsidiária)
● CEO & Presidente:
John Holland
● Faturamento: Não divulgado
● Lucro:
Não divulgado
● Presença global:
40 países
● Presença no Brasil:
Não
● Funcionários:
1.000
● Segmento:
Têxtil
● Principais produtos:
Camisetas, moletons, roupas íntimas
● Maiores concorrentes:
Hanes e Jockey
● Slogan:
We fit America.
● Website:
www.fruit.com
-
A marca no mundo
Apesar de comercializar seus produtos em mais de 40 países, a FRUIT OF THE LOOM tem seu principal mercado na América do Norte (Estados Unidos, Canadá e México), onde suas roupas são vendidas em pequenos, médios e grandes varejistas (incluindo supermercados), lojas de desconto e lojas de departamento populares.
-
Você sabia?
A FRUIT OF THE LOOM é reconhecida pela incondicional garantia de seus produtos que diz: Se você não está satisfeito com qualquer produto da FRUIT OF THE LOOM, devolve-o. Você receberá um novo, se disponível, ou seu dinheiro de volta (If you are not satisfied with any Fruit of the Loom product, return it to Fruit of the Loom. You will receive a new one, if available, or your money back).
-
-
As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers).
-
Última atualização em 29/12/2009

Nenhum comentário: