10.5.06

CLUB MED


Sabe aquelas férias que você planeja há tempos? Não seriam perfeitas em um local com muita animação e conforto, praias ou montanhas, esportes, ar puro, requinte e uma excelente gastronomia? Este paraíso existe e você ainda pode escolher em que pedaço do paraíso pretende se divertir muito. É o que se pode encontrar nos resorts do CLUB MED. Não precisa mais pesquisar roteiros, lugares ou restaurantes. Nos resorts, você vai encontrar o caminho das pedras para aqueles dias inesquecíveis que sonha há tanto tempo. Os Villages, como são chamados os paradisíacos hotéis da rede, oferecem diferentes opções para aqueles que buscam diversão sob o sol ou a neve. Por isso tudo, há mais de seis décadas o CLUB MED reinventa a alquimia da felicidade. 

A história 
Exatamente no dia 11 de fevereiro de 1950 o belga Gerard Blitz, um ex-campeão de pólo aquático, juntamente com o empresário Gilbert Trigano, criou o CLUB MEDITERRANÉE, localizado na vila de Alcudia na exótica ilha de Mallorca na Espanha. O novo empreendimento foi inspirado no Club Olympique de Calvi na Córsega. Eles colocaram anúncios em jornais e nas estações de metrô de Paris e na Bélgica, divulgando o primeiro conceito de resort all-inclusive do mundo (viagens de lazer com todas as despesas incluídas no pacote turístico), que virou um ícone no segmento. O negócio era direcionado para pessoas que curtiam a natureza e gostavam de praticar esportes ao ar livre. No início era uma vila de modestas barracas nas Ilhas Baleares, em que tudo, transporte, hospedagem, alimentação, esporte, estava incluído no preço de 15.900 francos da época para duas semanas de férias. No verão europeu, em 5 de junho, após 36 horas de viagem, cerca de 300 pessoas, atraídas pelo material de divulgação, passaram a primeira semana no Village da ilha espanhola. E, assim, inauguraram um novo estilo de férias. Embora sem as facilidades de conforto de hoje em dia, criou-se uma nova organização de lazer cujo programa incluía esportes, festas e a convivência com todos ao redor. A maior parte do grupo era composta pela jovem classe média urbana francesa e belga, mas também há registro de holandeses, ingleses, suíços, noruegueses e dinamarqueses.


O conceito era muito rústico, sem nenhuma área de alvenaria construída. Apesar da localização inóspita, o acampamento contava com um bar, um restaurante, um banco com moeda de câmbio, um posto turístico, correio, uma estação de primeiros socorros e até mesmo um cabeleireiro à sombra de uma figueira. Os hóspedes dormiam em tendas e cabanas, cujo fornecedor era a própria família Trigano. Não tinha sequer luz elétrica e nem água encanada. A filosofia era simples: fazer as pessoas esquecerem a depressão e a fome do pós-guerra, tendo fartura de comida e muita diversão em um lugar propício para relaxar. Nascia assim o conceito do CLUB MED. Ao estabelecer um padrão de serviços com uma série de opções de entretenimento, o CLUB MED reivindica para si a criação de um “espírito”, um “estilo”, uma “filosofia”, que se perpetua nos Villages até os dias de hoje. Outras novidades lançadas pela empresa de forma pioneira foram o sistema de atrações programadas; o bufê de comida; a figura do G.O. (Gentle Organisers = Gentis Organizadores), cuja função é alegrar e divertir os hóspedes; e o termo G.M. (Gentle Members = Hóspedes).


O sucesso foi tão grande, 2.300 pessoas passaram pelo novo hotel somente no verão e a empresa teria recusado 10.000 pedidos de reserva, que outras unidades foram inauguradas, como por exemplo, o primeiro resort próprio na ilha grega de Corfu, em 1952, contendo os típicos bangalôs que se tornaram marca registrada do CLUB MED; relaxantes bangalôs no Taiti em 1955, cuja viajem demorava quatro meses e podia ser paga em dezoito vezes sem juros; a primeira vila de inverno em Leysin na Suíça em 1956, cujo pacote incluía transporte, acomodação equipamentos para a prática de esqui e teleféricos, e que surgiu pela necessidade de manter os G.O. entre um verão e outro, evitando assim o treinamento de novas equipes a cada ano; a primeira vila permanente, antes aberta no verão ou no inverno, dependendo da região em que estava localizada, inaugurada no ano de 1965 em Agadir no Marrocos; a vila de Fort Royale, localizada em Guadalupe, no ano de 1968, para atender turistas americanos; e a primeira vila na África “negra” em 1971 no Golfo da Guiné, localizada na Costa do Marfim.


Nesse período o CLUB MED também apresentou e lançou grandes inovações, como por exemplo, em 1955 quando ofereceu pela primeira vez vinho grátis nas refeições; com a introdução em 1957 dos famosos Bar Beads (Bar Necklace), colar com bolinhas nas cores bege, café e chocolate que possuíam valores para pagar despesas extras dentro do hotel; a criação em 1963 dos Chefs de Village, responsável por comandar a equipe de G.O.; a implantação em algumas unidades no ano de 1967 do MINI CLUB MED, onde monitores passavam o dia inteiro cuidando e divertindo as crianças com muita recreação e brincadeiras, além de estimular grandes momentos entre pais e filhos; e a hospedagem de hóspedes entre 60 e 70 anos no village Cargése através do programa “Golden Age” que, posteriormente, seria repetido em outros hotéis da rede espalhados pelo mundo.


Em 1980, a rede inaugurou seu primeiro Village na América do Norte, em Copper Mountain, no estado do Colorado. Um destino de neve. Sete anos depois, abriu seu segundo hotel nos Estados Unidos localizado na Flórida e, desta vez, apostando na implacável dupla sol e mar. Além de instalar seu primeiro resort no Japão, localizado na ilha de Hokaido. É, nesta década, que começam a proliferar novas bandeiras de hotéis resorts, acirrando a concorrência no setor. Com o sucesso consolidado de seus hotéis, a empresa resolveu ingressar em outra categoria de turismo, lançado em 1989 o CLUB MED 1, versão cruzeiro do hotel, no maior veleiro do mundo, com 187 metros de comprimento, cinco mastros e capacidade para 450 passageiros, recheado com bastante luxo, conforto e diversão. O sucesso foi tão grande que um segundo navio seria lançado em 1992.


Em janeiro de 1991 estoura a Guerra do Golfo, provocando um grande abalo no berço de origem do CLUB MED, a bacia mediterrânea. O conflito espantou os turistas causando uma enorme crise financeira no decorrer desta década. Porém, ao comando de Philippe Bourguignon, ex-executivo da Disneylândia de Paris, a rede passou por uma profunda reformulação, voltando à competitividade. Cerca de setenta vilas foram reformadas, consumindo um investimento total de €305 milhões. Além disso, em 1997, a rede inaugurou o Village Varadero, em Cuba. Em 2000, o CLUB MED completou 50 anos, inaugurando oito novos complexos localizados em Crested Butted, estado do Colorado; Beldi na Turquia; Meribel Le Chalet e Serre Chevalier na França. Nesse mesmo ano, a rede “invadiu a cidade”, nascendo assim o CLUB MED WORLD, em Paris, no bairro de Bercy, como um centro de lazer, distração e animação (sem hospedagem). O CLUB MED, que havia inventado o conceito de All-Inclusive, reinventa-o em 2003, ao lançar o Total All-Inclusive, que incluía também bebida alcoólica e petiscos no preço do pacote.


A partir de 2004, a rede implantou um novo planejamento estratégico intitulado “Cap Sur L’incomparable” que alterou sua proposta e estabeleceu uma nova visão para gestão do grupo. Norteado pela meta de se tornar “o especialista mundial em férias sofisticadas, conviviais e multiculturais”, o CLUB MED passou a apostar em serviços que sejam de alto padrão, mas sem remeter ao conceito de luxo. Pouco depois, em 2005, Henri Giscard d’Estaing, filho do ex-presidente da França Valéry Giscard d’Estaing, um dos mais respeitados políticos europeus, assumiu o comando da empresa trazendo toda a sua experiência vivida nas altas rodas do poder para dentro da rede hoteleira. Ele tem capitaneado a mudança de posicionamento da rede em todo o mundo, que tem como estratégia oferecer ainda mais sofisticação. Recentemente, a empresa estreou um espaço 5 tridentes, uma classificação do CLUB MED equivalente a um cinco-estrelas superior, no hotel de Cancun no México, um dos mais frequentados da rede. Além disso, novos locais selecionados por sua beleza e autenticidade são inaugurados.


No final de 2010 a rede inaugurou seu primeiro resort em território chinês, o Yabuli, que está integrado em um parque nacional na montanha de Changbai, na província de Heilongjang. O empreendimento é constituído por dois hotéis ligados entre si, com 284 confortáveis quartos. Possuí ainda salas de conferências, SPA, piscinas, salas de ginástica e 18 pistas de esqui, um número recorde na China. Já no Brasil o CLUB MED possui três empreendimentos: um na ilha de Itaparica (inaugurado em 1979) e um na praia de Trancoso (inaugurado em 2002), ambos no estado da Bahia, além de outra unidade na baía de Angra dos Reis, no Rio de Janeiro. Mais recentemente, a empresa começou a oferecer Villages Eco Nature by Club Med, hotéis exclusivos localizados em reservas naturais preservadas, oferecendo aos hóspedes férias inesquecíveis graças a um contato único com a natureza, a fauna e a flora.


O conceito 
O CLUB MED oferece lugares paradisíacos, esportes para todos os gostos com acompanhamento de instrutores, uma grande variedade de comidas deliciosas, fantásticos shows, vida noturna vibrante e atividades monitoradas para crianças. É o melhor destino para quem sonha relaxar e se divertir com a família e os amigos. Os sofisticados Villages oferecem diferentes opções para aqueles que buscam diversão sob o sol ou neve. Em todos eles, o hóspede encontrará ambientes repletos de alegria e descontração, paisagens maravilhosas e uma grande variedade de esportes com todas as despesas incluídas nas diárias.


Lugares paradisíacos 
Os resorts do CLUB MED estão localizados em lugares privilegiados, quer seja em praias paradisíacas, no deserto, nas montanhas geladas ou em plenas áreas selvagens, onde a natureza foi bastante generosa com o ambiente e suas paisagens. Entre os muitos lugares podemos citar os hotéis localizados em Caprera (situado em La Madalena, ao norte da ilha da Sardenha, na Itália), Cancún Yucatán (localizado entre a laguna e o azul do mar do Caribe no México), Columbus Isle (localizado nas Bahamas, um paraíso para os amantes de mergulho), Bali (localizado na paradisíaca ilha dos deuses na Indonésia), Punta Cana (na excêntrica e exótica República Dominicana), Turkoise (encravado na exótica ilha caribenha de Turks e Caicos), Bora Bora (localizado no Taiti na exuberante Polinésia Francesa), La Plantation d’Albion (localizado nas belas Ilhas Mauritius), Louxor (localizado na cidade de Luxor no Egito, conhecida como a joia dos Faraós e Deuses no berço do rio Nilo), Cap Skirring (localizado no Senegal), Marrakech le Riad (um oásis localizado em uma das mais fascinantes cidades do Marrocos), Palmiye (localizado na Turquia), Kani (em uma das exuberantes ilhas de Maldivas), Sandpiper (localizado no coração da Flórida, nos Estados Unidos), Saint-Moritz Roi Soleil (encravado nos belos Alpes Suíços), Cervinia (localizado nos Alpes Italianos no Vale Aoste), Kos (localizado em uma das vistosas ilhas gregas) e Da Balaia (localizado na Costa Atlântica do Algarve ao sul de Portugal), entre outros destinos exuberantes.


Recentemente o CLUB MED adotou uma nova estratégia de sofisticação mundial, renovando a classificação de seus Villages, que passam a serem definidos como três, quatro (padrão de luxo) e cinco tridentes (padrão de alto luxo). A ação conta também com a inauguração e reforma das Villages para atender aos novos princípios. A partir deste novo posicionamento a rede inaugurou seu primeiro Village cinco tridentes nas Ilhas Maurício – La Plantation D’Albion – e realizou reformas no Village Marrakech le Riad para se adequar a nova categoria, assim como no CLUB MED 2, Village flutuante com navegação pelo Caribe e Mediterrâneo. Outra inovação da rede foi o lançamento do primeiro CLUB MED VILLAS, com casas de dois, três ou quatro quartos, vizinho ao Village cinco tridentes La Plantation d’Albion, nas Ilhas Maurício. O empreendimento permite que seus clientes se tornem proprietários das casas que custam entre €993 mil a €2 milhões. Os imóveis são administrados pelo CLUB MED e podem ser alugados gerando uma comissão para os proprietários.


Campanhas que fizeram história 
O CLUB MED, ao longo dos tempos, sempre primou por suas campanhas publicitárias criativas. Dentre algumas podemos destacar: a famosa campanha publicitária, lançada em 1976 e criada pela agência Synerge, com o slogan To Love, Dream, Contemplate (Para Amar, Sonhar e Contemplar), considerada uma das melhores da história; o genial slogan The antidote for civilization (O antídoto para a civilização), criado em 1982; e a enorme campanha publicitária com o tema “Re-New”, centrada no conceito de que a rede de hotéis oferece aos hóspedes “Re-Lax, Re-Juvenated, Re-Play and Re-Discovery”. Porém uma das mais belas campanhas para o CLUB MED foi lançada em 2005, criada pela agência Publicis Conseil de Paris.


Intitulada “Faces”, era composta por peças impressas e um comercial de televisão dirigido por ninguém menos que Anthony Anatasio, autor de filmes memoráveis para marcas como Levi’s, Nintendo, Audi e Alfa Romeo. O filme contém 11 faces ocultas em paisagens fantásticas através de tomadas aéreas que representam alguns dos destinos exóticos oferecidos pela rede. O slogan da campanha dizia: “It’s not where you go, it’s who you meet” (Não é pra onde você vai, mas quem você encontra). Quatro localidades em 4 continentes (Taiti, Marrocos, Canadá e Ilhas do Caribe) e mais de seis meses para ser filmado, nos levam a pensar que férias são vitais para qualquer mero mortal, mas férias no CLUB MED são indescritíveis. Clique no ícone abaixo para assistir ao filme.

  

A evolução visual 
O tradicional logotipo da marca, cujo símbolo principal é um tridente de Poseidon, que representa a dominação dos mares, passou inúmeras modificações ao longo dos anos, adquirindo uma imagem mais moderna e sofisticada. Apesar do logotipo original conter esse tradicional símbolo, ainda que de forma bem mais rústica que o atual, em 1971 a marca adotou apenas o nome CLUB MÉDITERRANÉE. Depois de evoluções, em 1978 o logotipo adotou uma imagem extremamente despojada, com vários detalhes coloridos.


Em 1980 o tridente (agora na cor amarela) voltou a fazer parte da identidade visual da marca, desta vez com um design bem mais moderno. Pouco depois, em 1985, o logotipo foi modificado mais uma vez: o nome da marca foi abreviado apenas para CLUB MED e o tridente adotou a coloração azul. Após passar por mais uma remodelação em 1995, quando o nome da marca ganhou mais destaque, em 2000 o CLUB MED adotou sua atual identidade visual.


Os slogans 
And what is your idea of happiness? (2013) 
Where happiness means the world. (2008) 
Discover the new Club Med, refined, exceptional, a la carte. (2006) 
It’s not where you go, it’s who you meet. (2005) 
Share the world with us. (2004) 
Discover new worlds, discover new people. 
Club Med... Life as It Should Be. 
The antidote for civilization. (1982) 
To Love, Dream, Contemplate. (1976) 
Como é a felicidade para você? (2013, Brasil) 
Um mundo de felicidade. (2008, Brasil) 
Um mundo a descobrir. (2005, Brasil)


Dados corporativos 
● Origem: França 
● Fundação: 11 de fevereiro de 1950 
● Fundador: Gerard Blitz e Gilbert Trigano 
● Sede mundial: Paris, França 
● Proprietário da marca: Club Mediterranée S.A. 
● Capital aberto: Sim (1966) 
● Chairman & CEO: Henri Giscard d’Estaing 
● Faturamento: €1.48 bilhões (2013) 
● Lucro: - €9 milhões (2013) 
● Valor de mercado: €596 milhões (abril/2014) 
● Hotéis: 80 
● Hóspedes: 1.2 milhões anualmente 
● Presença global: 27 países 
● Presença no Brasil: Sim (3 hotéis) 
● Funcionários: 25.000 
● Segmento: Hotelaria 
● Principais produtos: Hotéis, resorts e cruzeiros 
● Concorrentes diretos: Marriott, Sol Hotels & Resorts e Sandals Resorts 
● Ícones: GO’s (Gentis Organizadores) e o conceito de All-Inclusive (tudo incluído) 
● Slogan: And what is your idea of happiness? 
● Website: www.clubmed.com.br 

A marca no mundo 
Com um conceito único e uma atmosfera própria e envolvente, o CLUB MED é hoje a maior rede internacional de hotéis de lazer do mundo, com 80 unidades localizadas em mais de 27 países, incluindo 30 destinos para a prática de esportes aquáticos, e recebendo mais de 1.2 milhões de hóspedes anualmente (71% do total se hospedaram apenas nos villages de 4 e 5 tridentes, que são os mais luxuosos da rede). Os programas infantis e monitores especializados estão disponíveis em 53 unidades. Os mais de 25 mil funcionários (dentre os quais 14 mil GO’s) representam aproximadamente 100 nacionalidades diferentes que falam mais de 40 idiomas. Os franceses, americanos, belgas e italianos são os principais turistas dos hotéis da rede, que possui uma ocupação média de seus quartos em torno de 70.9%. O Brasil está entre os cinco principais mercados da rede no mundo com potencial para receber 80 mil hóspedes por ano. Hoje em dia 70% de seus hóspedes são famílias, 20% casais e 10% solteiros. 

Você sabia? 
Os famosos GO’s (Gentis Organizadores), além de responsáveis pelos esportes, pelo lazer e pela integração de todos, estão à disposição para garantir que cada hóspede possa desfrutar de todos os serviços que o CLUB MED oferece. 
O CLUB MED acolhe as maiores marcas de spa para oferecer aos seus hóspedes o melhor dos tratamentos (criando uma experiência sensorial com plantas raras e óleos essenciais) e fantásticas massagens, algumas das quais criadas exclusivamente. 
O maior acionista do CLUB MED é o grupo francês Accor. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Isto é Dinheiro), jornais (Valor Econômico), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Mundo Marketing), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers). 

Última atualização em 10/4/2014

2 comentários:

Bel Maria disse...

Muito obrigada pelas informações!

maria jose ramalho de meirelles disse...

Encantada !!! é o único adjetivo !!!
Tudo de bom, de organização , de atendimento , de qualidade, de belezas naturais , de alegria ,de modernidade, de criatividade, de vontade de servir bem ; é o máximo !
Estou eternamente agradecida por conhecer o MED , e rendo minhas mesuras ao seu criador , empreendedor incrível . PARABÉNS!

Maria José Meirelles

Brumado, BAHIA