18.6.12

DIAGEO


Mesmo que você nunca tenha ouvido falar, a empresa britânica DIAGEO é presença constante em milhares de restaurantes, bares, hotéis e festas no mundo inteiro. Afinal, quem nunca experimentou uma dose do uísque Johnnie Walker, tomou uma Smirnoff gelada, virou uma dose de tequila Don Julio, se deliciou com um cálice de Baileys após as refeições ou degustou uma Guinness estupidamente refrescante em um pub. Portanto, em qualquer parte do planeta onde tenha uma celebração a DIAGEO é sempre um convidado de honra. 

A história 
A história da empresa começou exatamente no dia 27 de outubro de 1997 quando duas grandes tradicionais companhias de bebidas alcoólicas britânicas, a Guinness (cervejaria irlandesa fundada por Arthur Guinness em 1759) e a Grand Metropolitan (que ingressou no segmento de bebidas alcoólicas na década de 1970), anunciaram a fusão de suas operações, estimada na época em US$ 19 bilhões, para formar a DIAGEO, cujo nome provém do latim “dia” (dia) e do grego “geo” (mundo). A nova empresa, cuja fusão foi arquitetada e realizada pelos executivos Anthony Greener e Philip Yea (Guinness) e George Bull e John McGrath (Grand Metropolitan), escolheu esse nome por um motivo mais que direto: dizer que todos os dias e em todas as partes do mundo, as pessoas celebram consumindo suas marcas.


E essa afirmação não era nenhum exagero ou pretensão. Afinal, a DIAGEO surgia com produtos e marcas sob seu portfólio de fazer inveja aos concorrentes e arrecadar bilhões de dólares: as cervejas irlandesas Guinness e Harp, os uísques Johnnie Walker e J&B, a vodca Smirnoff, o licor Baileys, os gins Tanqueray e Gordon’s, além de vários rótulos de vinhos. Além disso, essa união também trouxe marcas famosas no setor de alimentação, como a rede Burger King e a tradicional empresa de alimentos Pillsbury. Ainda no final desta década a empresa, além de vender algumas de suas marcas regionais de uísques, demonstrou que a inovação já fazia parte de seu DNA ao lançar no mercado a cerveja Guinness em garrafa e a Smirnoff Ice, que faria enorme sucesso em vários países do mundo, especialmente entre os jovens.


Entre os anos de 2000 e 2002 a empresa resolveu focar suas atividades somente no segmento de bebidas alcoólicas, o que culminou com a venda de seus negócios na aérea de alimentação. Isto aconteceu durante o período em que a empresa adquiriu, em 2001, os negócios de bebidas e vinhos da canadense Seagram, que trouxeram para seu portfólio marcas como o rum jamaicano Captain Morgan e o uísque canadense Crown Royal, além do uísque americano Seagram’s 7 Crown. Essa aquisição foi estratégica para a empresa britânica que aumentou sua participação no mercado americano para 25%. Nos anos seguintes a DIAGEO fez algumas aquisições estratégicas, como por exemplo, ao comprar a Old Bushmills Distillery, considerada a destilaria mais antiga do mundo, cujas origens datam de 1608 e que seria vendida em 2015.


A partir de 2010 a DIAGEO iniciou aquisições de empresas em países emergentes, como por exemplo, a Mey Icki (Turquia) e Shui Jing fang (China). Pouco depois, em meados de 2012, o grupo britânico, que anos atrás tinha adquirido a marca de cachaça carioca Nêga Fulô, anunciou a aquisição da fabricante brasileira de aguardente Ypióca por aproximadamente US$ 300 milhões, aumentando assim sua presença em mercados emergentes enquanto brigava por um maior espaço no segmento de tequila, no qual adquiriu em 2015 a Don Julio, uma marca prmium criada em 1942. Essas aquisições eram fruto de uma estratégia para aumentar as vendas em mercados emergentes. Além disso, no final de 2015, a DIAGEO vendeu sua divisão de vinhos. Mais recentemente, em 2017, a empresa adquiriu por US$ 1 bilhão a marca americana de tequila Casamigos, fundada em 2013 pelo ator George Clooney e seus amigos Rande Gerber (empresário do setor de entretenimento e marido de Cindy Crawford) e Mike Meldman (empresário do ramo imobiliário).


A constelação bilionária 
A DIAGEO, maior fabricante de bebidas alcoólicas premium do mundo, tem sob seu portfólio mais de 200 marcas diferentes e consagradas. Suas mais importantes e principais marcas globais são: 
JOHNNIE WALKER: uísque mais consumido no mundo é uma das marcas mais valiosas da empresa. Seus maiores mercados são Estados Unidos, Brasil e Oriente Médio, além de vasta presença nos principais aeroportos do mundo. 
SMIRNOFF: considerada a marca de bebida alcoólica mais consumida do planeta. Seus maiores mercados são Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Brasil e África do Sul. 
GUINNESS: tradicional cerveja irlandesa lançada no mercado em 1759. 
BAILEYS: introduzido no mercado em 1974, se transformou em um dos licores cremosos mais consumidos do planeta. 
J&B: um dos uísques oito anos mais consumidos do planeta, cuja origem data de 1749. Tem forte presença em países como Espanha, França, África do Sul, Estados Unidos e Portugal. 
BUCHANAN’S: criado há mais de um século, por James Buchanan, este uísque é marcado por uma mistura que busca tanto qualidade quanto sabor inconfundível. Os maltes e grãos utilizados em sua fabricação descansam por, no mínimo, 12 anos. 
CÎROC: lançada em 2003, é uma vodca francesa extremamente sofisticada à base de uvas nobres, comercializada em mais de 50 países ao redor do mundo. 
KETEL ONE: uma vodca holandesa super premium fabricada a partir de trigo cuidadosamente selecionado e produzida em pequenos lotes e volumes em alambiques e destiladores de cobre. 
TANQUERAY: desenvolvido em 1839 por Charles Tanqueray, é o gim líder do mercado americano, além de ser o preferido da maioria dos barmans. 
CROWN ROYAL: criado no ano de 1939 em virtude da histórica visita do Rei George VI e da Rainha Elizabeth, é o uísque canadense mais consumido do mundo. 
CAPTAIN MORGAN: lançado em 1943 e de origem jamaicana é o segundo rum mais consumido do mundo, com forte presença nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e Alemanha.


Além disso, no compito geral a DIAGEO atua em diversos segmentos da indústria de bebidas alcoólicas, incluindo a propriedade de diversas marcas menores ou regionais: 
Uísques: CARDHU (luxuoso uísque single malte, produzido em quantidades limitadas, através de um lento processo de destilação durante 12 anos em barris de carvalho especialmente selecionados), BELL’S (um dos uísques mais populares no Reino Unido, é produzido desde 1825), DIMPLE (uísque cujos maltes são envelhecidos por, no mínimo, 15 anos, amplamente reconhecido por sua garrafa com três lados), BLACK & WHITE (desenvolvido há mais de um século por James Buchanan, este uísque se tornou um dos mais importantes representantes do segmento no século XIX), VAT 69 (criado em 1882 este uísque é bastante popular na Venezuela, Espanha e Austrália), WHITE HORSE (envelhecido por até 8 anos em barris de carvalho, este uísque possui sabor incomparável e marcante, resultado do longo tempo de maturação e da atenção dispensada ao processo produtivo e controle de qualidade), GRAND OLD PARR (lançado em 1909, este uísque de luxo oferece envelhecimentos de 12, 15 e 18 anos), TALISKER (uísque de malte único envelhecidos por no mínimo 10 anos), WINDSOR (uísque de luxo com forte presença nos mercados coreano e chinês) e HAIG CLUB (lançado pelo ex-jogador David Beckham, é feito na destilaria Cameronbridge, na Escócia, e possui um frasco com design único, inspirado na história de garrafas inovadoras produzidas pela House of Haig). 
Cervejas: TUSKER (lançada em 1922 no Quênia, é uma das primeiras cervejas produzidas no continente africano), HARP (cerveja tipo lager com grande participação de mercado no Reino Unido e a mais consumida da Irlanda), SMITHWICK’S (cerveja irlandesa que foi originalmente produzida na cervejaria da abadia St. Francis, em Kilkenny) e KILKENNY (cerveja red ale mais antiga da Irlanda). 
Licores: SHERIDAN’S (licor irlandês duplo, que combina uma parte de sabor cremoso de baunilha, elaborado com creme de leite fresco, com duas partes de um blend rico e misterioso de chocolate e café. É o licor nº 1 em compras por impulso em todo mundo) e YENI RAKI (considerada a bebida nacional da Turquia, é um licor derivado da uva e com sabor de anis). 
Cachaças: YPIÓCA (cachaça premium líder do mercado brasileiro) e NÊGA FULÔ (cachaça premium de altíssima qualidade, onde 90% da produção é voltada para exportação). 
Gins: GORDON’S (lançado em 1769 este gim tem forte presença no Reino Unido e Estados Unidos) e GILBEY’S (gim criado em 1857 com fórmula exclusiva e seguindo rigorosamente os critérios londrinos de fabricação). 
Runs: CACIQUE (lançado em 1959 é um rum venezuelano triplamente destilado), PAMPERO (rum venezuelano lançado em 1938), BUNDABERG (rum australiano) e ZACAPA (produzido na Guatemala, é considerado por muitos especialistas o melhor rum do mundo). 
Tequilas: DON JULIO (tequila super premium produzida através de métodos artesanais tradicionais, que proporcionam um sabor suave e leve) e DELEÓN (lançada em 2009, é uma tequila feita a partir do melhor agave, proveniente da rica terra da região de Los Altos de Jalisco).


* A DIAGEO ainda é proprietária da marca de baijiu SHUI JING FANG, bebida que ocupa um lugar muito importante na cultura chinesa. Produzido e consumido desde os tempos mais antigos tornou-se um sinal de respeito em eventos sociais chineses. Sendo uma das bebidas mais consumidas na china, o baijiu oferece-se em um jantar aos convidados para criar uma atmosfera de cordialidade e respeito. A empresa ainda possui 37% nas operações da Moët Hennessy, produtora dos champanhes MOËT & CHANDON e VEUVE CLICQUOT e dos sofisticados conhaques HENNESSY.


A identidade visual 
A identidade visual da empresa pode ser aplicada de três maneiras: na tradicional cor rosa, na preta e na branca sob um fundo preto.


Dados corporativos 
● Origem: Inglaterra 
● Fundação: 27 de outubro de 1997 
● Fundador: Fusão da Guinness plc e Grand Metropolitan plc 
● Sede mundial: Londres, Inglaterra 
● Proprietário da marca: Diageo plc 
● Capital aberto: Sim 
● Chairman: Javier Ferrán 
● CEO: Ivan Menezes 
● Faturamento: £18.1 bilhões (2017) 
● Lucro: £2.77 bilhões (2017) 
● Valor de mercado: £67.6 bilhões (junho/2018) 
● Presença global: 180 países 
● Presença no Brasil: Sim 
● Funcionários: 30.400 
● Segmento: Bebidas alcoólicas 
● Principais produtos: Uísques, vodcas, cervejas, cachaças e licores 
● Concorrentes diretos: Pernod Ricard, Bacardi Limited, Campari Group, Beam Suntory, Brown-Forman, Heineken International e Kweichow Moutai 
● Ícones: O uísque Johnnie Walker e a vodca Smirnoff 
● Slogan: Celebrating Life, Every Day, Everywhere. 
● Website: www.diageo.com 

A marca no mundo 
A DIAGEO vende seus produtos em aproximadamente 180 países ao redor do mundo, e alcançou em 2017 um faturamento de £18.1 bilhões, além de produzir mais de 6.5 bilhões de litros de bebidas alcoólicas por ano. Apesar da América do Norte e Europa serem responsáveis por 50% de seu faturamento anual, a empresa é líder de mercado no Brasil, Índia, Coréia do Sul e Austrália. A empresa possui mais de 100 fábricas e engarrafadoras instaladas em países como Reino Unido, Estados Unidos, Canadá, Espanha, Itália, Austrália, Índia, além de África, América Latina (incluindo o Brasil) e Caribe. Além disso, possui aproximadamente 30 destilarias na Escócia, que produzem uma infinidade de tipos de uísque. 

Você sabia? 
A empresa produz e distribui 9 das 40 marcas de bebidas alcoólicas mais poderosas do mundo. 


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers). 

Última atualização em 21/6/2018

2 comentários:

Geiziane disse...

Parabéns pelo Blog!
Criativo e inteligente.

Divulguei em nosso espaço:

https://www.facebook.com/groups/364699700211547/

Unknown disse...

Muito bom. Parabéns!