26.5.06

o.b.


O período menstrual para cada mulher não precisa ser um calvário hoje em dia, gerando irritação, aborrecimento e insegurança. As mulheres ativas e dinâmicas do mundo sabem que nesses períodos, podem contar com o tradicional absorvente higiênico o.b., uma marca ícone em seu segmento, principalmente no Brasil. Estas duas letras representam a mais alta qualidade em higiene feminina, bem como um marco na emancipação da mulher, na liberdade e na capacidade de se sentir livre de preocupações, mantendo o controle do próprio corpo. Além disso, a marca criou um vínculo de confiança tão forte com as consumidoras que é passada de geração para geração.

A história
A história de o.b. - que na verdade é a abreviação da expressão alemã “ohne Binde”, que significa “sem absorvente” - começou em 1947, quando o engenheiro alemão Carl Hahn viu um anúncio de absorventes internos publicado em uma revista americana e achou que o produto poderia revolucionar o mercado alemão de higiene feminina. Ele se juntou então ao advogado Dr. Jur Heinz Mittag para montar uma fábrica de tampões absorventes. O Dr. Mittag era casado com a ginecologista Judith Esser Mittag, que participou ativamente no desenvolvimento do primeiro absorvente interno o.b. na clínica do Professor K. J. Anselmino, localizada no Hospital Estadual de Mulheres em Wuppertal. O primeiro passo dos dois novos sócios foi construir uma máquina, já que era imprescindível que a produção fosse totalmente automatizada para que os absorventes fossem comercializados em massa na Alemanha.


O aspecto técnico de cortar uma tira de algodão e enrolá-la, inserindo o cordão usado para retirar o absorvente do corpo da mulher, foi rapidamente resolvido. Os problemas surgiram no momento de prensar o absorvente interno: o algodão, extremamente elástico, resistia à pressão e voltava ao tamanho original antes que pudesse ser inserido em um invólucro. Finalmente, depois de muitos estudos e pesquisas, encontrou-se uma solução para o problema. Os doutores Hahn e Mittag patentearam esta etapa decisiva do processo de produção. Ainda faltava submeter o produto a um teste clínico. Por meio de estudos, comprovou-se que o novo absorvente era perfeito do ponto de vista médico e de higiene. Com isto, em 1950, o absorvente interno o.b. pôde finalmente ser colocado no mercado. A primeira caixa, contendo 10 absorventes, foi vendida no dia 13 de março. A revolução causada pelo novo produto dividiu a opinião, causando reações que iam do ceticismo e rejeição ao mais puro entusiasmo. Apesar das desconfianças iniciais e do fato do produto ser, inicialmente, apenas comercializado em drogarias e farmácias, o.b. rapidamente se tornou um sucesso de vendas entre as mulheres alemãs. A empresa, então com 25 empregados, fabricou 10 milhões de absorventes internos o.b. (ainda com o cordão branco) no primeiro ano de atividade.


Em 1960, a marca inovou ao lançar uma campanha publicitária que, ao mesmo tempo em que divulgava o produto educava suas consumidoras. Finalmente, em 1967 os absorventes internos o.b. conseguiram sair dos balcões farmacêuticos e passaram a serem comercializados em lojas de conveniência e supermercados. Com isso, a embalagem ganhou um novo visual e as vendas foram consideravelmente impulsionadas. Muitas mudanças e aperfeiçoamentos vieram nos anos seguintes com a introdução de absorventes internos de vários tamanhos, que atendiam as necessidades de todos os tipos de fluxos menstruais. Em 1974, foram desenvolvidos materiais promocionais sobre a puberdade, a menstruação e a educação sobre higiene íntima feminina, distribuídos a vários milhares de estudantes. A década de 80 foi marcada por um período de forte expansão internacional da marca. O resultado foi que, em 1986, a marca comercializou mais de 3.5 milhões de absorventes em 122 países.


Em 1992, a marca revolucionou o mercado com o lançamento do absorvente interno com desenho de oito sulcos. Com essa nova estrutura, o.b. era capaz de se expandir de maneira uniforme em toda sua superfície, moldando-se naturalmente aos contornos da vagina. Com isso, era praticamente impossível ocorrerem vazamentos, aumentando a proteção oferecida. Nos anos seguintes a marca lançou novos produtos com vários níveis de absorção e adotou novas tecnologias, sempre visando acompanhar e atender da maneira mais eficiente a vida da mulher moderna. Uma dessas novidades foi o.b. To Go Purse Pack, um produto para ser utilizado em uma hora de emergência, acondicionado em embalagens modernas e coloridas feitas de plástico, e contendo três absorventes, para ser carregadas na bolsa.


A linha do tempo
1952
Lançamento do o.b. Super, especificamente desenvolvido para os dias de fluxo moderado à abundante.
1965
Lançamento do o.b. Super Plus, destinado a dias de fluxo muito abundante e aos períodos mais abundantes após o parto.
1972
Lançamento do o.b. Mini, especificamente desenvolvido para adolescentes que estavam começando a usar absorventes internos.
1985
Lançamento do o.b. com aplicador, facilitando a colocação do absorvente interno.
1998
Lançamento do o.b. Comfort Light Days, desenvolvido para os dias de fluxo mais fracos no final do período menstrual. A sua ponta estreita e forma esguia faziam com que fosse mais fácil introduzir o absorvente interno.
2002
Lançamento dos primeiros absorventes internos com canais longos e curvos, que direcionavam o fluxo menstrual de forma mais eficaz para o centro absorvente.
2003
Lançamento da versão do o.b. Comfort, com uma cobertura exclusiva muito suave, chamada SilkTouch™. Esta inovação tornou a introdução e a remoção do absorvente mais fácil e confortável, além de deslizar até o ponto ideal e se ajustar perfeitamente no corpo das mulheres, garantindo mais proteção e conforto.
2005
Lançamento do o.b. ProComfort™, com canais em curva para uma proteção mais eficiente e a cobertura exclusiva suave SilkTouch™. O novo produto, disponível nas versões Mini, Normal e Super; satisfaz as necessidades de todas as mulheres durante todos os dias do período menstrual.
2007
Lançamento do o.b. Flexia™, que oferecem máxima proteção e são os primeiros absorventes internos com asas flexíveis Soft Folds™, que ajudam a absorver o fluxo menstrual onde produtos similares podem falhar. O produto é comercializado em um número limitado de países.
2008
Lançamento do o.b. optiBalance™, que oferece uma proteção segura, podendo ser utilizado sem problemas todos os dias do período menstrual. Além disso, graças a um novo ingrediente extraído de fontes naturais, também ajuda as bactérias boas do corpo feminino a manter o equilíbrio saudável e natural da região íntima.


O produto
o.b. é um absorvente interno feito a partir de duas fibras: algodão e rayon, e fabricado de forma totalmente automática, o que assegura sua total higiene. Não contém asbesto e nem dioxina, é totalmente seguro e testado nos mais altos padrões de qualidade da Johnson & Johnson. Quando colocado na região média da vagina, onde praticamente não existem nervos sensitivos, o.b. absorve o fluxo e se expande com suavidade lateralmente, permanecendo firme no lugar e evitando vazamentos. Além de proporcionar uma sensação de naturalidade, o uso do absorvente elimina o característico odor da menstruação que se produz quando o fluxo sai do corpo e entra em contato com o ar. Para retirar o o.b., basta puxar o tradicional cordão azul. O absorvente interno irá deslizar suavemente para fora da vagina, devendo então ser inutilizado. A mulher se sente limpa e seca, e encara a menstruação com mais naturalidade. Além disso, não precisa alterar seu ritmo de vida. O produto pode ser encontrado em duas versões:
o.b. Digital
Possui uma exclusiva construção em 8 sulcos, que ao absorver o fluxo, expande-se lateralmente com uniformidade, adaptando-se ainda melhor aos contornos do corpo, evitando assim vazamentos. É também revestido por uma delicada cobertura, que deixa a superfície mais lisa, proporcionando maior suavidade e facilidade na colocação. Seu cordel é impermeabilizado, seguramente fixo ao absorvente, o que proporciona maior segurança ao retirar.
o.b. Aplicador
Esta versão possui aplicador plastificado feito de fibra de celulose e poliéster, que desliza melhor, tornando a colocação mais delicada. Apresenta um exclusivo sistema de travas para simplificar o manuseio e sua ponta macia e arredondada em formato de pétalas facilita a colocação. Sua exclusiva construção em 8 sulcos absorve o fluxo, expandindo-se lateralmente com uniformidade, adaptando-se melhor aos contornos do corpo, evitando vazamentos. Possui cordel impermeabilizado, seguramente fixo ao absorvente, o que proporciona maior segurança ao retirar.


Existem três tamanhos de o.b. Digital e o.b. Aplicador, que a consumidora escolhe de acordo com sua anatomia e quantidade de fluxo menstrual:
Mini
Para dias de menor fluxo, esta versão é indicada também para quem for usar o absorvente interno pela primeira vez.
Médio
O tamanho é suficiente para absorver o fluxo na maior parte dos dias do período menstrual (fluxo intenso).
Super
Deve ser usado nos dias de fluxo mais intenso e durante a noite, quando não se pode trocar com frequência (fluxo muito intenso).


A evolução visual
A identidade visual da marca passou por algumas alterações ao longo dos anos, adquirindo um visual muito mais moderno.


Desde que foi lançado no mercado, suas embalagens do produto também sofreram várias modificações, acompanhando assim a evolução das vidas de suas consumidoras.


Os slogans
Mighty. Small (2007)
Know Yourself.
Desenvolvido por uma ginecologista. (Portugal)
Faz parte da sua natureza. (Brasil)
A proteção total da mulher. (Brasil)
A liberdade de ser você. (Brasil)


Dados corporativos
● Origem: Alemanha
● Lançamento: 1950
● Criador: Dr. Carl Hahn, Dr. Jur Heinz Mittag e Dra. Judith Esser Mittag
● Sede mundial: New Brunswick, New Jersey
● Proprietário da marca: Johnson & Johnson Inc.
● Capital aberto: Não
● Chairman & CEO: Alex Gorsky
● Faturamento: Não divulgado
● Lucro: Não divulgado
● Presença global: 65 países
● Presença no Brasil: Sim
● Segmento: Higiene íntima
● Principais produtos: Absorventes internos
● Concorrentes diretos: Tampax e Intimus (Brasil)
● Slogan: Mighty. Small.
● Website: www.ob.com.br

A marca no Brasil
No Brasil, o.b. foi lançado pela Johnson & Johnson em 1974, disponível nos tamanhos Médio e Super, com o objetivo de oferecer à mulher brasileira uma alternativa de proteção menstrual muito mais segura, confortável, discreta e higiênica. o.b foi a primeira marca de absorventes internos do país. Mas enfrentou resistência e muita polêmica: havia quem achasse que o produto atentasse contra a virgindade (o que não é verdade). Em 1981, foi lançado o.b. Mini, que veio complementar as opções que as mulheres têm para quantidades de fluxo menstrual diferentes. Na década de 90 novos produtos foram lançados, como por exemplo, o o.b. com Aplicador no tamanho médio (1992); o o.b. com exclusiva construção em 8 sulcos (1996), o o.b. Aplicador, com aplicador plastificado feito de fibra de celulose e poliéster, e sistema de travas para simplificar o manuseio, disponível em três tamanhos (mini, médio e super), introduzido em 1997. Pouco depois, em 1999, foram lançadas as embalagens Duo-Pack, oferecendo muito mais praticidade às mulheres, pois, em uma única embalagem dois diferentes tamanhos de o.b. Esta era a combinação ideal que garantia total proteção durante todo o período menstrual. Recentemente a marca lançou no mercado os novos absorventes internos o.b. ProComfort, que combinam a tecnologia dos canais curvos que absorvem o fluxo para uma proteção segura, com a exclusiva cobertura SilkTouch que desliza melhor para uma colocação mais fácil.


A marca no mundo
Os absorventes internos o.b. podem ser encontrados em inúmeras versões, cada uma para um tipo de fluxo, em mais de 65 países ao redor do mundo. Hoje em dia o produto é fabricado por métodos industriais modernos, com matérias-primas que passam por um rigoroso controle de qualidade.

Você sabia?
Mais de meio século após o lançamento de o.b., aproximadamente 80% das mulheres na Alemanha usam o produto todos os meses. E o mesmo acontece com milhões de mulheres em todo o mundo, especialmente no Brasil.
O nome do produto foi criado pelo Barão Ludwig von Holzschuher, um consultor publicitário.


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, BusinessWeek, Time e Isto é Dinheiro), jornais (Valor Econômico e Meio Mensagem), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Mundo Marketing), Wikipedia (informações devidamente checadas).

Última atualização em 29/10/2012

Nenhum comentário: